GOVERNO DINO: “Especulação”, afirma Rubens Pereira Júnior sobre assumir a Sedes

A ideia de fazer Rubens Pereira Júnior secretário de estado tem a ver com acomodações políticas que Flávio Dino terá que fazer para, por exemplo, dar um mandato de deputado federal a Gastão Vieira.

O deputado federal reeleito Rubens Pereira Júnior (PCdoB) afirmou que não passa de especulação que irá assumir a secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) neste segundo mandato do governador Flávio Dino, também do PCdoB. A declaração do deputado foi dada ontem, sábado, 12, ao Blog do Robert Lobato.

O parlamentar comunista afirmou que governador só começará mexer as peças do tabuleiro deste segundo mandato em fevereiro.

“Só especulação. O governador Flávio Dino só pensará na formação do próximo governo em fevereiro”, disse.

O Blog do Robert Lobato perguntou ao deputado se uma vez convidado por Flávio Dino ele toparia assumir a Sedes, no que respondeu:

“Estou focado na eleição da Mesa Diretora e na formação dos blocos na Câmara. Só depois penso em alguma outra coisa”, afirmou o deputado.

A ideia de fazer Rubens Pereira Júnior secretário de estado tem a ver com acomodações políticas que Flávio Dino terá que fazer para, por exemplo, dar um mandato de deputado federal a Gastão Vieira (PROS) que amargou a segunda suplência na coligação com o PCdoB nas eleições de 2018.

Segundo apurou o Blog do Robert Lobato, Gastão tem dito que precisa do mandato para manter-se na presidência do PROS, caso contrário corre o risco de perder o controle do partido no estado. Aliás, o ex-deputado e ex-ministro teria afirmado essa situação ao próprio Eurípedes Júnior, presidente nacional do PROS.

Resta aguardar se Rubens Pereira Júnior topará assumir a Sedes para facilitar o caminho de Gastão Vieira à Câmara Federal ou se terá a coragem de dizer um “não” para o governador Flávio Dino e, nesse caso, arcar com as consequências por desagradar o chefe comunista.

A conferir.