ELEIÇÕES 2018: Eliziane Gama agora tem lado. Parabéns! 16

Independente ou não de ser escolhida a segunda candidata de Flávio Dino ao Senado Federal, Eliziane Gama já escolheu o lado e campo políticos. Agora ela é Flávio Dino desde criancinha

Conta a lenda que “quem não vem pelo amor, vem pela dor”.

Parece que a nova postura política que a deputada federal Eliziane Gama (PPS) tenta adotar segue nessa toada.

A nossa querida e aguerrida irmã resolveu entrar o ano de 2018 disposta a colocar um ponto final no conceito que vinha se consolidando sobre a sua personalidade política, qual seja o de não ter lado, de ser escorregadia feita um peixe sabão e, por conseguinte, não passar confiança política a aliados e interlocutores – o Blog do Robert Lobato sempre foi um crítico fraterno a esse comportamento errante da popular-socialista.

Comenta-se que a congregação evangélica a qual integra foi a principal responsável pela mudança de postura de Eliziane Gama. E para começo de conversa, a primeira “prova” dada à deputada pelos pastores da igreja foi a dela fazer as pazes com o prefeito Edivaldo Holanda Júnior, também irmão em Cristo. A “prova” já está em curso.

Os mais desconfiados, ou maldosos, como queiram, avaliam que essa súbita mudança de Eliziane Gama tem a ver com o seu projeto de ser candidata ao Senado Federal nas eleições de outubro deste ano.

A desconfiança aumentou depois que a própria deputada declarou que a escolha do seus dois suplentes serão da escolha única e exclusiva do governador Flávio Dino. Que tal?

Bom, essa nova Eliziane Gama que emergiu a partir do ano novo pode até ter um pouco de apelo eleitoreiro em razão da pré-candidatura da irmã à senadora.

Porém, o Blog do Robert Lobato prefere acreditar que se trata de algo mais amplo e nobre, ou seja, independente ou não de ser escolhida a segunda candidata de Flávio Dino ao Senado Federal, Eliziane Gama resolveu ter lado e campo políticos.

Eliziane Gama agora é Flávio Dino desde criancinha.

Com ou sem Senado.

Parabéns, amiga!

ELEIÇÕES 2018: Felipe Camarão no PT? 14

No PT, ninguém comenta sobre o assunto, mas pelo que o Blog do Robert Lobato pôde sentir após consultar alguns petistas, a ideia de filiar Felipe Camarão no partido para ser vice de Flávio Dino está longe de agradar o conjunto de sigla

Na boca da noite, de ontem, quarta-feira, 13, o Blog do Robert Lobato foi surpreendido com a informação de que o secretário Felipe Camarão (Educação) estaria sendo trabalhado para se filiar ao PT e “cumprir missão”, caso seja obrigado.

Segundo a fonte, a ideia é colocar o Camarão em stand by caso o Palácio dos Leões tenha dificuldades na composição partidária para o palanque de reeleição de Flávio Dino (PCdoB) em 2018.

Com a saída do PSDB da base do governo comunista, ficou um vácuo partidário que os articuladores políticos de Flávio Dino ainda estudam como fazer para compensar o prejuízo.

Não obstante o atual vice-governador Carlos Brandão já tenha encontrado abrigo no PRB, do deputado federal Cleber Verde, não é favas contadas que continue no cargo em 2018, pois, segundo alguns observadores governistas, Brandão “soma muito pouco na chapa”. É justamente aí que entra o fator Felipe Camarão, considerado muito mais aglutinador e leve do que o atual vice-governador. O secretário da Seduc é o que se costuma chamar de “vaselina”.

No PT, ninguém comenta sobre o assunto, mas pelo que o Blog do Robert Lobato pôde sentir após consultar alguns petistas, a ideia de filiar Felipe Camarão nos quadros do Partido dos Trabalhadores para ser vice de Flávio Dino está longe de agradar o conjunto de partido.

Consultado pelo Blog do Robert Lobato, o secretário negou tal movimento. “Não procede isso, Robert”, disse.

De fato não seria razoável alguém equilibrado, como Felipe Camarão, entrar num campo de guerra que é o PT maranhense.

SISTEMA ITALUÍS: Flávio Dino faz São Luis retrocededor à década de 80 6

Foi um jeito o governador apelar para a antiga adutora inaugurada lá nos anos 80 pelo governador João Castelo, de saudosa memória, para quebrar o galho e evitar que a falta  d’água atingisse 100% dos bairros de São Luis

Alguém disse, não lembro agora quem, que o governo Flávio Dino (PCdoB) é “o avanço do atraso”.

Bom, a considerar o que está ocorrendo com o abastecimento d’água na capital maranhense temos que concordar com a assertiva acima.

São duas coisas que fazem a população sentir que retrocedemos ao tempo neste momento da vida dos maranhenses, em particular dos ludovicenses.

Em primeiro lugar, é o fato de que há muitos anos São Luis não passava por uma crise de abastecimento d’água tão grave como esta – os mais velhos podem ajudar o Blog do Robert Lobato a lembrar quando foi a última vez que cidade viu uma crise de falta d’água na dimensão desta atual.

Depois, o governo cria toda uma expectativa em torno da inauguração da nova adutora do sistema Italuís, bota o presidente da Caeama para afirmar que passaremos “100 anos sem falta de água na capital” e na hora que vai apertar o botão “power” do sistema… Poow!!! Estoura a “poxa” toda, lá pras bandas do Campo de Peris, e ao invés de jorrar águas nas torneiras da população jorra pelos ares.

Então o jeito foi o governo do senhor Flávio Dino apelar para a antiga adutora inaugurada lá nos anos 80 pelo governador João Castelo, de saudosa memória, para quebrar o galho, a famosa “gambiarra”, e evitar que a falta  d’água atingisse 100% dos bairros de São Luis.

Resumo da opereta: Passados três anos do governo da “mudança”, Flávio Dino reinaugura adutora construída mais de 30 anos atrás!

Durma-se com um barulho desse…

ELEIÇÕES 2018: Maura Jorge firme na candidatura ao governo 8

Quem conhece minimamente a personalidade da Maura Jorge sabe que a mulher não é de brincadeira não. E por isso mesmo, dificilmente abrirá mão do projeto Maura Jorge governadora-19

Os adversários da ex-prefeita e ex-deputada Maura Jorge (Podemos), principalmente os ligados ao Palácio dos Leões, andam plantando factoides o tempo todo de que a bela e brava loira irá desistir da sua candidatura ao governo do Maranhão para disputar uma vaga de deputada estadual.

Em conversa com o Blog do Robert Lobato, no entanto, Maura não só reafirmou que está focada na eleição majoritária de governadora, como assegurou que não tem qualquer interesse em concorrer a outro cargo e que os tais factoides, ao invés de desanimá-la, tem efeito contrário uma vez que a anima ainda mais no seu projeto de concorrer à sucessão do governador Flávio Dino (PCdoB).

“Não estou correndo atrás de mandato ou de poder, simplesmente. Se fosse só mandato eu teria sim, sem nenhuma arrogância ou pretensão, um mandato de deputada estadual ou de federal por tudo aquilo já planteio ao longo da minha trajetória política em termos de trabalho, de companheirismo e compromisso com o povo. Então essa história de desistir da disputa do governo não procede. Continuo na luta, sei que é uma luta difícil, não prego ilusão para ninguém. Aliás, esse factoides só me estimulam ainda mais nessa caminhada rumo ao governo do Maranhão. Minha ousadia e coragem é que incomodam esse governo que esta aí”, afirmou Maura.

De fato, quem conhece minimamente a personalidade da Maura Jorge sabe que a mulher não é de brincadeira não.

E por isso mesmo, dificilmente abrirá mão do projeto Maura Jorge governadora-19.

A conferir!

BRIGA NO PALÁCIO: Brandão e Jerry teriam ido às vias de fato. Ambos negam 6

Tanto Carlos Brandão quanto Márcio Jerry negam que tenham “engatado”, e não há testemunhas que comprovem o episodio, então resta acreditar nas palavras dos dois governistas. Sem esquecer de que: “Onde há fumaça, há fogo”.

A sabedoria popular nos ensina: “Onde há fumaça, há fogo”.

Pois bem. Nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira, 1º, o Blog do Robert Lobato recebeu a seguinte mensagem por WhatsApp.

O “telequete” entre o vice-governador Carlos Brandão (ainda no PSDB) e o secretário de Comunicação e Articulação Política, Márcio Jerry (PCdoB), teria ocorrido na noite de ontem, 30, nas dependências do Palácio dos Leões.

É do conhecimento público que Brandão e Jerry não morrem de amores um pelo outro. Contenciosos políticos na cidade de Colinas, terra natal de ambos os governistas, impedem relações mais amistosas.

A princípio o Blog do Robert Lobato chegou a acreditar na história, até porque, além das broncas provincianas lá pras bandas de sertão, a Operação Pegadores deixou muita gente no governo com os nervos a flor da pele. Logo, não seria difícil que o vice-governador e o assim chamado “supersecretário” tivessem “engatado” por alguma razão muito séria.

Negativas

O Blog do Robert Lobato entrou em contato com ambos os supostos brigadores e “pegadores”. Os dois negam a informação.

Márcio Jerry, como de costume, tratou logo de desqualificar as fontes dizendo: “Jamais. Nem é meu estilo tampouco o dele. Não temos motivo algum para briga e se tivéssemos não brigaríamos. Invenções tão ficando malucas”.

Já o Carlos Brandão, o Blog do Robert Lobato não conseguiu contato direto, mas através de um secretário muito próximo do vice-governador, ele, Brandão, afirmou: “Eu nem vi Márcio Jerry ontem”.

Bom, se tanto Carlos Brandão quanto Márcio Jerry negam que tenham “engatado”, e não há testemunhas que comprovem o episodio, então resta acreditar nas palavras dos dois governistas.

Sem esquecer de que: “Onde há fumaça, há fogo”.

PS: O Blog do Robert Lobato pesquisou no Google uma imagem apenas com “Márcio Jerry e Carlos Brandão”, mas não encontrou. Por que será? 

Moção de Aplauso a PF foi um equívoco similar à tentativa de desqualificar as operações da instituição

Esse tipo de “homenagem seletiva” tem efeito contrário do desejado, pois além de limitar todo um trabalho amplo e tecnicamente complexo que são essas operações da Polícia Federal pelo Brasil afora, fica a impressão que trata-se apenas de oportunismo político

Ao contrário de alguns colegas blogueiros que criticaram o fato dos parlamentares da base do governo terem rejeitado a aprovação Moção de Aplausos à Polícia Federal pela Operação Sermão aos Peixe, que se desdobrou na Operação Pegadores, que expôs as vísceras necrosadas pela corrupção no governo Flávio Dino (PCdoB), o Blog do Robert Lobato entende que o Poder Legislativo agiu corretamente nesse particular.

É que da mesma forma que os governistas tentaram, e ainda tentam, desqualificar a Pegadores, sugerindo que a operação é perseguição política com as digitais do Sarney, a oposição tentou capitalizar politicamente o trabalho da Polícia Federal ao apresentar essa Moção de Aplauso, cuja autoria é do deputado Wellington do Curso (PP).

Há outras formas de reconhecer os trabalhos da Polícia Federal sem necessariamente ter que apontar uma operação específica.

Esse tipo de “homenagem seletiva” tem efeito contrário do desejado, pois além de limitar todo um trabalho amplo e tecnicamente complexo que são essas operações da Polícia Federal pelo Brasil afora, fica a impressão que trata-se apenas de oportunismo político – sem falar que as operações geralmente são realizadas em conjunto com outros órgãos federais e não apenas pela PF.

Não é à toa que a mais famosa das operações da Polícia Federal, a Lava Jato, é muito criticada por vários setores importantes da sociedade justamente pela espetaculização que tentam fazer dela.

Wellington do Curso é um dos mais atuantes e aguerridos deputados da Assembleia Legislativa do Maranhão, mas às vezes peca por alguns “excessos”, em fazer confusões retóricas e tomar decisões de “veneta”, provavelmente sem ouvir ninguém, ou então fingir que ouve, e fazer aquilo que já está tudo esquematizado na sua cabeça.

Portanto, a proposta de Moção de Aplauso à Polícia Federal foi um equívoco similar à tentativa de desqualificar as operações da instituição, principalmente a Pegadores, tal como o Palácio dos Leões e alguns deputados governitas têm feito.

É a opinião do Blog do Robert Lobato.

Solidariedade ampla, geral e irrestrita a Marco D’Eça 16

O jornalista Marco D’Eça é um resistente a essa “ditadura das togas”, e por isso, merece o respeito não só do Blog do Robert Lobato, mas da sociedade e da imprensa que não se deixa intimidar por “juizecos” da vida.

O jornalista Marco Aurélio D’Eça é um dos profissionais mais respeitados da imprensa maranhense.

Gostem ou não do “Sarará”, o fato é que ele é uma jornalista destemido, competente e polêmico. Aliás, jornalista que não faz da polêmica um dos seus ofícios no mínimo tem que rever seu conceito de jornalista. Ou então se conformar com a função de assessor de imprensa/comunicação. Não é o caso de Marco D’Eça.

Editor de política do mais importante jornal do Maranhão, D’Eça é perseguido pela “ditadura das togas”. É vítima e não vilão!

O jornalista é um dos maiores críticos do Poder Judiciário, um poder, diga-se de passagem, mais obscuro da República. Uma verdadeira caixa-preta onde o princípio fundamental é o corporativismo descarado.

A imprensa esculhamba, desmoraliza, passa a mão na bunda dos políticos, mas se cala ou se omite quando se trata de vagabundam de nobres magistrados. Aliás, tem até livro intitulado “O Nobre Deputado”, mas ninguém tem coragem de escrever “O Nobre Magistrado”. Fica a dica, amigo Marco D’Eça.

O ministro Gilmar Mendes (STF), um dos melhores constitucionalistas do país, é massacrado quando solta presos da Lava Jato e de outras operações da Polícia Federal. Apanha por não aceitar que a Justiça seja levada ao sabor da chamada “opinião pública”.

No Maranhão há um “Gilmar Mendes”, mas, ao contrário do ministro da suprema corte, invés da assumir sua postura e posições políticas e relações pessoais, prefere fazer intriga entre amigos.

O jornalista Marco D’Eça é um resistente a essa “ditadura das togas”, e por isso, merece o respeito não só do Blog do Robert Lobato, mas da sociedade e da imprensa que não se deixa intimidar por “juizecos” da vida.

Valeu, Sarará!

PEGADORES: Saiba que são os secretários que Flávio Flávio já deveria ter afastado 12

Segundo a humilde e despretensiosa opinião do Blog do Robert Lobato, alguns secretário de Estado deveriam ser afastados pelo governador Flávio Dino para o bem da imagem do seu governo

Não adianta o governador Flávio Dino (PCdoB) espernear, zangar, xingar, atacar a Polícia Federal etc. A Operação Pegadores é uma realidade posta que deve encarada e enfrentada de frente, pois expôs um lado necrosado do governo.

Se tivesse a altivez de reconhecer os erros, sacudir a poeira e dar a volta por cima, Flávio Dino deveria afastar alguns dos seus secretários pelo até o momento em que tudo fosse esclarecido, pois a rede corrupção que veio à tona com a Pegadores envolve algumas pastas que não somente a Secretaria de Estado da Saúde (SES).

“Então quais os secretários que deveriam ser afastados na tua opinião, blogueiro?”, pegunta o leitor agoniado para saber que são os cabras.

Então vamos lá, por ordem alfabética.

Carlos Lula (Saúde) – O advogado Carlos Lula está no olho do furação nesse caso até porque todo o rolo se desenvolveu operacionalmente no âmbito da SES. Ainda que tenha chegado ao cargo para “pôr ordem na casa”, está claro que não conseguiu, pelo contrário, do que se viu a partir das investigações, Lula sabia de tudo e, ao que parece, não teve força política e autoridade administrativa suficientes para dar um basta na bandalheira. Sem falar que também é tido como “pegador”. Portanto, deve ser afastado.

Marcelo Tavares (Casa Civil) – Ainda que não seja um secretário forte, ou seja, um autêntico Secretário-chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares assina todos os atos do governo e provavelmente assinou alguns que têm a ver com as maracutaias reveladas pelo Operação Pegadores, mesmo que indiretamente. Por sinal, há um parente do secretário que foi preso pela Polícia Federal por estar envolvido na tal “Lista dos 400”. Embora não seja considerado um “pegador”, pelo contrário, é conhecido como “ferrolho”, Marcelo Tavares é um dos secretários que o governador deveria afastar, podendo até aproveitar o fato de que o Marcelo será candidato nas eleições de 2018.

Márcio Jerry (Comunicação e Articulação Política) – Até o maranhensezinho que acabou de nascer pelas mãos de alguma parteira nos rincões deste Maranhão sabe que nada, nada, nada, acontece no governo de Flávio Dino sem o conhecimento do supersecretário Márcio Jerry. Corre até a brincadeira de que o Maranhão é o único estado brasileiro “parlamentarista”, onde tem-se Flávio Dino como chefe de Estado e Márcio Jerry como primeiro-ministro. Ora, é de imaginar que não tinha como um sofisticado esquema de corrupção como esse revelado pela Operação Pegadores não tivesse o conhecimento do “primeiro-ministro”. E se efetivamente ele não soubesse, aí mesmo que deve ser afastado, pois como é que o principal homem do governador deixa um troço desse correr frouxo no governo? Márcio Jerry, outro reconhecido “pegador”, deveria ser afastado também.

Rodrigo Lago (Transparência e Controle) – Igualmente advogado como o seu colega da Saúde, Rodrigo Lago era para ser o “vigia estratégico” do governo e o alarme para gritar “pega ladrão, pega!”, quando identificasse malversação dos recursos públicos. Contudo, contentou-se em ser uma espécie de “chefe de captura” focado tão somente no que aconteceu nos governos anteriores, perseguindo ex-gestores escolhidos a dedo pelo núcleo duro do Palácio dos Leões. E outro que possui a fama de “pegador”. Deveria ser afastado.

Estes são os secretários de Estado, segundo a humilde e despretensiosa opinião do Blog do Robert Lobato, que deveriam ser afastados pelo governador Flávio Dino para o bem da imagem do seu próprio governo.

E se não os afasta é porque sabe que é tão ou mais responsável pelos malfeitos quanto eles.

Vida e luta que seguem!

PEGADORES: Rosângela Curado precisará recuperar o sorriso 8

Se conseguir recuperar seu sorriso, só então Rosângela poderá pensar no resgate da sua carreira política que hoje, dia 23/11/2017, está completamente comprometida.

A ex-deputada Rosângela Curado (PDT) meteu-se numa enrascada daquelas e acabou tendo que pagar o alto custo de ser presa pela Polícia Federal após a Operação Pegadores revelar tenebrosas transações que ocorrem na estrutura da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Se fez algum malfeito, o fez a mando de superiores porque é uma mulher de grupo, embora isso não justifique a pedetista fazer besteiras.

Rosângela é apenas um elo de uma corrente forjada para manter e ampliar um projeto de poder no Maranhão sob comando do PCdoB, e tendo o PDT como linha auxiliar para fazer o que der e vier, inclusive operar aquilo que os comunistas eventualmente não têm coragem.

Rosângela não contou, ao menos publicamente, da solidariedade de nenhum dos “partidos camaradas” que orbitam em torno do Palácio dos Leões.

O próprio PDT esperou duas semanas e só ontem, 22, divulgou uma nota se solidarizando com a “companheira”. Aliás, uma nota que veio a público poucas horas antes da pedetista ser solta por meio de um Habeas Corpus concedida pelo desembargador federal Ney Bello.

De qualquer forma, o desafio posto à Rosângela Curado é resgatar aquele belo sorriso que é a marca do seu rosto, muito diferente daquele sembrante pálido e triste registrado na foto oficial da polícia quando deu entrada na prisão.

Se conseguir recuperar seu sorriso, só então Rosângela poderá pensar no resgate da sua carreira política que hoje, dia 23/11/2017, está completamente comprometida.

É a opinião do Blog do Robert Lobato.

Os 9 anos do Blog do Robert Lobato 12

Muita coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para a satisfação dos leitores e parceiros.

E lá se vão 9 anos de blogosfera…

Isso se não lavar em conta o primeiro blog que fiz no antigo zip.net, da UOL Blogs, no início dos anos 2000.

São nove anos de domínio próprio, a bem dizer. Aliás, teve um bom período no portal do Jornal Pequeno também.

Ao longo de desse tempo ganhei muitos admiradores e pessoas que incentivam o nosso trabalho. Mas também ganhei alguns desafetos que não sabem diferenciar posição e concepções políticas de questões pessoais. Faz parte!

“Bob, qual seria o melhor e o pior momento nestes 9 anos como blogueiro?”, perguntaria uma leitora muito especial do Blog do Robert Lobato (Rsrsrs).

Confesso que não saberia dizer qual o melhor momento. Talvez tenha sido quando da cobertura do impeachment da Dilma, quando gravei, direto de Brasília, vários vídeos com protogonistas daquele traumático momento da vida política nacional.

O pior o momento fica mais fácil de falar, infelizmente. Na verdade, os piores momentos.

Entre eles, quando perdi todos os meus arquivos dos tempos de Jornal Pequeno e agora mais recente os meus posts do robertlobato.com devido a irresponsabilidade da empresas responsável pela hospedagem do blog. Trata-se de um prejuízo incalculável para mim do ponto de vista intelectual e pessoal – modéstia à parte tinha ótimos textos que talvez nunca mais voltarão estar disponíveis para mim e os meus leitores. Uma lástima!

“E qual a melhor e a pior postagem que você escreveu, Bob?”, perguntaria novamente a minha dileta leitora.

Bom, foram tantas postagens interessantes neste 9 anos que seria um equívoco escolher uma especificamente. Sem falar que nem sempre a postagem que para mim é “top”, o é para o leitor. Mas,claro, há vários textos muito bons.

Também não é fácil identificar a pior postagem. Possível é dizer qual delas não escreveria novamente ou que não deveria ter escrito porque o fiz com raiva.

Por exemplo, há uma postagem em que julgo ter sido muito duro, e talvez até injusto, com a ex-deputada federal Rosângela Curado, ainda que minha ira possa encontrar uma explicação razoável que reside numa questão de quebra de confiança.

Mas, enfim, não é bom a gente escrever quando se está com raiva, ou, se tiver que escrever, escolher gente como Bolsonaro, Trump, Doria, aquele baixinho da Coreia do Note e gente desse naipe para liberar a adrenalina. Porém, se puder evitar, melhor!

Mudanças

Muito coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para atender a satisfação dos leitores e parceiros.

E para entender melhor o Blog do Robert Lobato é preciso entender que o seu editor não é apenas um “blogueiro” simplesmente, mas uma militante político e social, além de um ativista digital! Logo tem lado e nunca pretendeu aceitar a falácia de que a imprensa tem que ser imparcial. Isso não existe!

É assim, com coragem, duro mas sem perder a ternura, procurando o equilíbrio na informação e nas análises, que o Blog do Robert Lobato completa exatos 9 anos de idade!

E que venham tantos outros anos pela frente.

Se Deus, São José de Ribamar e Nossa Senhora quiserem!

E eles há de quererem!