Prefeito Hilton Gonçalo e deputado Ariston se reúnem com o presidente Othelino Neto

Hilton Gonçalo e Ariston Ribeiro, ambos do Avante, estiveram nesta sexta-feira (22), visitando o presidente da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB), na oportunidade os dois discutiram a atual conjuntura política do Maranhão, assim como projetos visando o desenvolvimento do estado, uma vez que na próxima terça-feira (26), o empresário Ariston assume a condição de titularidade no cargo de deputado estadual.

Na oportunidade foi inclusive tratada a composição de Ariston Ribeiro no Bloco governista Unidos pelo Maranhão, uma vez que o partido ainda não tem representante na Assembleia Legislativa e agora passará a ter representatividade. Hilton Gonçalo é presidente do Avante e deixou claro que a intenção é contribuir para o desenvolvimento do estado, apoiando os projetos do Governo do Estado.

Durante a reunião na Assembleia Legislativa, Hilton e Ariston ainda estiveram reunidos com o diretor-geral da Mesa Diretora, Braulio Martins e com o procurador jurídico Tarcísio Araújo, onde discutiram as questões administrativas referente a posse.

Ainda na sua passagem pela Assembleia Legislativa, Hilton Gonçalo e Ariston Ribeiro conheceram as estruturas do parlamento estadual, passando pelo plenário, sala de comissões e o Complexo de Comunicação, onde estiveram acompanhados da diretora adjunta Sílvia Tereza e da coordenadora Glaucione Pedrozo.

CASO LUIS FERNANDO: O que estaria por trás da ida do prefeito de Ribamar para o governo Flávio Dino? 17

O que pode explicar toda essa engenharia politica é a virtual candidatura de Flávio Dino a presidente da República, coisa que o comunista tem em mente e já trabalha para se viabilizar, inclusive via imprensa nacional, como nome das esquerdas para enfrentar a ofensiva direitista ora em curso no país, cujos atores principais atualmente são o presidente Jair Bolsonaro e o governador João Doria.Ainda é medonha a repercussão da possível renúncia do prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando (PSDB), para assumir um cargo de secretário no governo Flávio Dino (PCdoB) – a renúncia pode ser anunciada neste final de semana.

O que levaria o gestor ribamarense, a mais uma vez, deixar a cidade e povo que o elegeu de forma tão abrupta? Quais os atores que estariam por trás dessa jogada de vida ou morte para Luis Fernando? O que de fato estaria por trás da ida do prefeito de Ribamar para o governo Flávio Dino? E o que o governador comunista ganharia com essa manobra política?

O Blog do Robert Lobato tentará encontrar respostas para os questionamentos acima à luz das informações que tem recebido e da conjuntura política local e nacional. Vamos lá.

Reza a lenda que o arquiteto da renúncia de Luis Fernando é o ex-governador José Reinaldo Tavares que teria usado o vice-governador Carlos Brandão e Marcelo Tavares para serem os porta-vozes da estratégia junto ao governador Flávio Dino (PCdoB).

A princípio, segundo consta, Flávio teria resistido à ideia, mas aos poucos foi se convencendo do processo e fez o convite ao ainda prefeito de Ribamar que teria aceitado.

Segundo fontes ribamarenses, a coisa só evoluiu porque o grupo de Luis Fernando e dos Cutrim teriam chegado a um acordo onde o atual vice-prefeito Eudes Sampaio (PTB) ficaria apenas dois anos no mandato e conselheiro do TCE, Edmar Cutrim, seria o candidato a prefeito dos dois grupos em 2020.

Uma vez secretário do governo Flávio Dino, Luis Fernando poderia ser o nome do comunista para o Tribunal de Contas do Estado (TCE) caso Carlos Brandão não se viabilize candidato a governador em 2022, nesse caso ele, Brandão, seria o nome para o TCE e Luis Fernando concorreria a deputado federal.

Se Carlos Brandão sair da linha de sucessão de Flávio Dino em virtude de ir para o TCE, o presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão fica na linha sucessória, que em 2022 poderá ser quem? O deputado Glauberth Cutrim (PDT), atual vice-presidente do parlamento maranhense e filho de Edmar Cutrim – não podemos esquecer que presidente Othelino Neto (PCdoB) já foi eleito e reeleito presidente e, em tese, não pode mais concorrer a um terceiro mandato.

O fator PDT pesa nessa conjuntura, já que o senador Weverton Rocha, presidente estadual do partido, está em campanha aberta para o governo do Maranhão, assim como o deputado federal Gil Cutrim, também do PDT, está para senador da República. Ou seja, esse movimento de tirar Luis Fernando da Prefeitura de São José de Ribamar e fazer Carlos Brandão sucessor de Flávio Dino tem que ser combinado com os “russos”, no caso os pedetistas.

A grande questão é: o que Flávio Dino ganharia com toda essa engenharia política?

Bom, a rigor o grupo do governador ficaria mais forte do que já está. Mas, forte por forte o governador já é, e não seria necessário todo esse arranjo, não é mesmo?

O que pode explicar tudo isso é a virtual candidatura de Flávio Dino a presidente da República, coisa que o comunista tem em mente e já trabalha para se viabilizar, inclusive via imprensa nacional, como nome das esquerdas para enfrentar a ofensiva direitista ora em curso no país, cujos atores principais atualmente são o presidente Jair Bolsonaro e o governador João Doria (São Paulo).

Se é verdade que por um lado Flávio Dino está fazendo, digamos, o dever de casa, por outro terá que chegar em 2022 com a sua gestão bombando, apresentando resultados concretos e inquestionáveis em todas as áreas.

É aquela história: quem viver verá.

BAIXADA MARANHENSE: Documentos comprovam desleixo do governo Flávio Dino em relação à Barragem do Pericumã 2

A Barragem do Pericumã tem sido uma das pautas mais debatidas na Assembleia Legislativa do Maranhão nos últimos dias, principalmente pela bancada da Baixada Maranhense.

Voltando à questão da Barragem do Pericumã.

O Blog do Robert Lobato publicou vídeo em que o governador Flávio Dino (PCdoB) reconhece disponibilização de recursos através de emenda parlamentar para obras de recuperação e manutenção da Barragem do Rio Pericumã (reveja aqui)

Ocorre que mesmo com todo o esforço da bancada maranhense, em particular do então deputado federal Victor Mendes, de disponibilizar R$ 4 milhões para os serviço na Barragem do Pericumã, o Governo do Maranhão não apresentou projeto junto aos órgãos competentes em Brasília e o dinheiro acabou indo para o beleléu.

A Barragem do Pericumã tem sido uma das pautas mais debatidas na Assembleia Legislativa do Maranhão nos últimos dias, principalmente pela bancada da Baixada Maranhense, com destaque para o deputado Dr. Leonardo Sá que, inclusive, esteve recentemente em Brasília para tratar sobre o assunto.

Fiquem com prints de documentos que montam uma linha do tempo comprovando o que pode ser considerado um desleixo do Governo do Estado em relação à Barragem do Pericumã e, consequentemente, com o povo baixadeiro. Confira.

 

 

 

IMPERATRIZ: Em vídeo, prefeito Assis Ramos reconhece ações parlamentares do senador Roberto Rocha em prol do município 2

O gestor imperatrizense foi agradecer as inúmeras ações parlamentares, entre obras estruturantes e sociais, que Roberto tem realizado em prol da segunda maior cidade do estado.

O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (MDB), foi recebido pelo senador Roberto Rocha (PSDB) no seu gabinete em Brasília. O encontro ocorreu na tarde de ontem, terça-feira, 19.

O gestor imperatrizense foi agradecer as inúmeras ações parlamentares, entre obras estruturantes e sociais, que Roberto tem realizado em prol da segunda maior cidade do estado.

Participaram da reunião ainda os senadores tucanos Antônio Anastasia e Plínio Valério, representes dos estados de Minas Gerais e Amazonas, respectivamente, além da primeira-dama de Imperatriz Janaína Ramos.

Confira o vídeo de agradecimento e reconhecimento do prefeito Assis Ramos ao trabalho do senador Roberto Rocha com imagens do jornalista jornalista Ênio Borgmann.

FAÇAM SUAS APOSTAS: Qual secretaria Luis Fernando assumiria no governo Flávio Dino? 2

Enquanto Luis Fernando Silva não vier a público e dizer se aceita ou não deixar pela segunda a Prefeitura de São José de Ribamar ou ainda que sequer tal proposta foi realmente feita pelo governador Fávio Dino, as especulações em torno do assunto tendem a continuar para saber qual a posição que o nosso competente gestor toparia assumir no segundo mandato do comunista.

Esta terça-feira, 19, foi marcada, além da peleja Bolsonaros versus Bebianno, por especulações de que o prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando (ainda no PSDB), estaria prestes a cumprir mais uma missão de risco e deixar novamente o comando do terceiro maior município maranhense para voltar ao Palácio dos Leões na condição de secretário, sabe-se lá para qual projeto político.

Diante a possibilidade de Luis Fernando realmente deixar a Prefeitura de Ribamar, o Blog do Robert Lobato procurou alguns agentes políticos para saber qual seria a pasta que o gestor ribamarense toparia assumir. Vejamos.

Planejamento – Na opinião das pessoas ouvidas por esta página, Luis Fernando, embora preparado para essa área, não teria nada a ganhar politicamente comandando a Seplan, já que é um pasta basicamente técnica e que via de regra tem que dizer muito “não”, coisa que a classe política odeia escutar. Seria pouco provável, portanto, “LF” assumir a Seplan.

Infraestrutura – Aqui a coisa mudaria um pouco de figura. Luis Fernando já comandou a Secretaria de Infraestrutura na era Roseana Sarney e fez um excelente trabalho por lá. Ocorre que atualmente o posto está ocupado por Clayton Noleto, alguém que está para o governador Flávio Dino como Gustavo Bebianno um dia esteve para presidente Bolsonaro, logo não dá para apostar que “LF” poderia ocupar o lugar do secretário imperatrizense, o “homem que resolve”.

Educação – Outra pasta que não é lá fácil ser dada para Luis Fernando. Felipe Camarão não apenas conta com total confiança do governador como é considerado um dos melhores secretário da gestão Flávio Dino, sem falar que o atual comandante da Seduc faz parte dos planos políticos do grupo comunista para projetos políticos a curto prazo. Logo não parece ser profícuo, na opinião dos observadores ouvidos pelo Blog do Robert Lobato, “LF” assumir a Educação.

Saúde – Bom, essa foi a pasta que pelo menos dois agentes políticos concordaram de que poderia ser o destino de Luis Fernando caso aceitasse ser auxiliar de Flávio Dino no Palácio dos Leões. Na avaliação deles, o secretário Carlos Lula não criaria qualquer dificuldade para o governador se fosse chamado para um entendimento e entregar o cargo para “LF”. Aliás, Lula já teria, algumas vezes, pensado em deixar o governo e seguir a sua carreira de advogado, sobretudo quando da crise gerada pela Operação Pegadores, da Polícia Federal, onde teve gestores da Secretaria de Saúde presos e até um que recorreu ao suicídio por não aguentar tanta pressão, mas o governador nunca aceitou a ideia de perder Carlos Lula, Com a possível chegada de Luis Fernando, porém, a coisa poderia ser diferente.

O fato é que enquanto Luis Fernando Silva não vier a público e dizer se aceita ou não deixar pela segunda a Prefeitura de São José de Ribamar ou ainda que sequer tal proposta foi realmente feita pelo governador Fávio Dino, as especulações em torno do assunto tendem a continuar para saber qual a posição que o nosso competente gestor toparia assumir no segundo mandato do comunista.

Façam suas postas…

VÍDEO: Dr Leonardo Sá vai ao Ministério do Desenvolvimento Regional pedir recuperação da Barragem do Pericumã

O deputado estadual Dr Leonardo Sá (PR), foi recebido nesta terça-feira (19), pelo Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto. Na oportunidade, o parlamentar discutiu a questão relacionadas às barragens dos rios Pericumã em Pinheiro e Flores em Joselândia.

Na companhia do deputado federal Josimar de Maranhãzinho (PR) e do deputado estadual Hélio Soares (PR), Dr Leonardo Sá apresentou a extrema necessidade de uma intervenção na barragem do rio Pericumã, antes que ocorra uma tragédia na cidade.

Construída em 1982 pelo DNOCS – a Barragem do Pericumã nunca passou por manutenção e nas últimas semanas uma das comportas acabou rompendo, fazendo com que a água dos campos inundassem alguns bairros da principal cidade da Baixada Maranhense.

O ministro Gustavo Canuto disse que o Governo Federal dará atenção especial as duas barragens, principalmente e com urgência a do rio do Pericumã, por conta da atual situação.

Dr Leonardo Sá agradeceu a atenção do ministro do Desenvolvimento Regional e mostra mais uma vez que está atento as demandas do povo de Pinheiro, e não medirá esforços para garantir o desenvolvimento da cidade

Confira o vídeo com o comentário do parlamentar sobre a agenda no Ministério de Desenvolvimento Regional.

VÍDEO DA TRAGÉDIA ANUNCIADA: Governo Flávio Dino não fez projeto e verba para Barragem Pericumã foi pro beleléu 9

Em janeiro de 2017, chegaram recursos da ordem de R$ 4 milhões para a recuperação da Barragem do Rio Pericumã, emenda do então deputado federal Victor Mendes que foi para a conta do governo do Maranhão, mas por birra ou incompetência, o governador Flávio Dino deixou voltar o dinheiro para Brasília por falta de projeto.

Muito tem se falado sobre as barragens localizadas no estado do Maranhão, principalmente depois de mais uma tragédia em Minas Gerais, desta feita na cidade de Brumadinho, onde houve mais um rompimento de barragem pertencente à mineradora Vale do Rio.

Com o retorno das atividades parlamentares na Assembleia Legislativa do Maranhão, o tema ganhou a pauta na casa com foco na Barragem do Rio Pericumã, localizada na cidade de Pinheiro, na Baixada Maranhense.

Em janeiro de 2017, chegaram recursos da ordem de R$ 4 milhões para a recuperação da Barragem do Rio Pericumã, emenda do então deputado federal Victor Mendes (PSD) que foi para a conta do governo do Maranhão, mas por birra ou incompetência, o governador Flávio Dino deixou voltar o dinheiro para Brasília por falta de projeto.

A seguir o vídeo em que o comunista reconhece a alocação do recurso, fala em fazer o projeto, mas ao final das contas tudo ficou no já conhecido e clássico “gogó”. Confira.

SANTA RITA: Prefeitura divulga programação de carnaval

A Prefeitura de Santa Rita divulgou a programação de carnaval do município. Ao longo de quatro dias, moradores e foliões poderão aproveitar as atrações para todas as idades. A administração municipal garantiu a presença de bandas conhecidas, assim como também investiu nos artistas locais como forma de valorizar as manifestações culturais locais.

O Carnaval em Santa Rita, terá shows com artista de reconhecimento nacional, além de atrações locais e regional que irão assegurar quatro dias de muita festa para os brincantes. O palco central do carnaval ficará na praça pública, ao lado da prefeitura da cidade.

Dentre as atrações estão a cantora Kátia Cilene, Moleca 100 Vergonha, Bonde do Forró e muito mais.

O prefeito do município Dr. Hilton Gonçalo proporciona o quatro dias de muita diversão para os seus munícipes, turistas e os foliões em geral. — o carnaval de Santa Rita é uma grande tradição, com blocos, escola de samba, brincadeiras e bandas para finalizar a noite. Um carnaval para todos.

ROSÁRIO: Prefeita lidera comitiva em reunião com representantes do Dnit

A prefeita de Rosário, Irlahi Moraes (MDB), liderou uma comitiva de políticos da cidade durante audiência realizada, ontem, segunda-feira, 19.

Vereadores, inclusive o presidente da câmara municipal, Luiz Carlos, o Kiko, foram recebidos no gabinete da chefe do executivo juntamente o procurador federal do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Ezequiel Xenofonte, e o engenheiro do departamento no estado, Francisco Costa, onde trataram sobre a questão da reformulação do trevo localizado na BR 402, na entrada da cidade.

Na ocasião, o presidente Kiko endossou os pedidos dos demais vereadores para que sejam tomadas providências imediatas sobretudo na entrada da cidade, tendo em vista os vários acidentes graves, inclusive com vitimas fatais, que têm ocorrido no local. Na oportunidade, ele solicitou também que sejam colocados ranhaduras, radares ou mesmo monitoradores de tráfego nos dois sentidos da via, para reduzir o número de acidentes no local.

Para a prefeita Irlahi, “a reunião foi muito produtiva e certamente tará benefícios práticos que atendam as demandas da cidade em benefício da segurança do povo rosariense”.