Morre aos 95 anos marinheiro da célebre foto do beijo em Nova York

Imagem de homem beijando enfermeira correu o mundo e é uma das mais famosas do século 20

Foto de Alfred Eisenstaedt que retrata beijo de marinheiro George Mendonsa e enfermeira Greta Friedman em exposição em Roma Foto: GABRIEL BOUYS / AFP

O marinheiro que beija uma enfermeira na Times Square enquanto as pessoas comemoravam o fim da 2ª Guerra nas ruas de Nova York, protagonista da icônica foto conhecida como “O Beijo”, morreu aos 95 anos, informou sua filha ao Providence Journal.

Em 14 de agosto de 1945, as pessoas foram para as ruas de Nova York celebrar as notícias, quando George Mendonsa beijou Greta Friedman, que ele nunca conhecera. Na imagem, uma das quatro de Alfred Eisenstadt para a revista Life, Mendonsa é visto curvando-se sobre Greta Zimmer Friedman, uma assistente de dentista que vestia um uniforme de enfermeira.

Mendonsa serviu em um destroier durante a guerra e estava de licença quando o fim da guerra foi anunciado. Durante muito tempo, ele garantiu que era o marinheiro da foto, mas isso só foi confirmado recentemente com o uso da tecnologia de reconhecimento facial.

A imagem tornou-se uma das mais famosas fotografias do século 20.

Greta Zimmer Friedman, a mulher da foto, morreu em 2016 aos 92 anos.

Deixe uma resposta