TATUAPÉ: A vitória foi popular, mas também pessoal para o prefeito Luis Fernando

Se o bicampeonato da Acadêmicos de Tatuapé foi uma vitória popular, do ponto de gestão da cidade de Ribamar foi uma vitória pessoal do prefeito Luis Fernando que apostou todas as fichas nesse projeto como forma de “vender” o município para o Maranhão, Brasil e o mundo

O bicampeonato obtido pela Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé foi uma vitória popular ampla, geral e irrestrita, que começou na cidade de São Paulo e chegou no Maranhão, principalmente na cidade de São José de Ribamar, que fez parte do enredo da escola bicampeã.

A cidade balneária, que já estava na expectativa de um belo desfile da Tatuapé, foi surpreendida com uma vitória mais do que merecida, que, com certeza contou com as bênçãos do nosso santo padroeiro São José de Ribamar.

É possível que uma pequena minoria não tenha gostado do resultado do desfile de carnaval das escolas paulistanas ou mesmo até torcido contra. Faz parte.

Contudo, o importante que a quase a totalidade dos ribamarenses estava na torcida para que tudo acabasse bem. E foi o que aconteceu!

Prefeito Luis Fernando: De alma lavada com a vitória da Acadêmicos do Tatuapé.

E se o bicampeonato da Acadêmicos de Tatuapé foi uma vitória popular por si só, do ponto da gestão da cidade de Ribamar foi uma vitória pessoal do prefeito Luis Fernando (PSDB) que apostou todas as fichas nesse projeto como forma de “vender” o município para o Maranhão, Brasil e o mundo. Bingo!

Alvo de críticas e de desconfianças de todos os lados, e posto sob suspeita por afirmar que o erário municipal não foi obrigado a dar quaisquer contrapartidas para ser homenageada pela Tatuapé, Luis Fernando sai de alma lavada de todo esse processo.

E não bastasse a vitória da Acadêmicos do Tatuapé, a cidade de São José de Ribamar ainda pôde contar com a volta do bom e velho carnaval tradicional, que foi definitivamente reconstruído com nada menos do que sete circuitos oficiais contemplando bairros e povoados do município.

E olha que ainda vem por aí o tradicional Carnaval de Lava-Pratos com uma bela surpresa para os foliões, no próximo final de semana, para fechar a com chave de ouro a festa momesca na bela e agora campeã cidade de São José de Ribamar.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Acadêmicos do Tatuapé prestigia lançamento do Carnaval da cidade 2

A escola paulistana Acadêmicos do Tatuapé participou neste domingo (04) do lançamento do Carnaval de São José de Ribamar que este ano acontece de 10 a 13 de fevereiro. Com o tema “São José de Ribamar na Passarela do Mundo”, a edição 2018 faz alusão à homenagem feita pela escola, que este ano conta no sambódromo a rica história do santo padroeiro do Maranhão.

E foram eles, os legítimos representantes da agremiação campeã do carnaval de 2017, que deram o tom do que promete dominar nos dias oficiais da folia momesca. A programação também contou com o reforço e talento da cantora Negra Jane, de Goiânia, da bateria forte da Escola Unidos de Ribamar, Império Serrano de São Luís, Bloco Fênix, além da participação do cantador de Bumba Meu Boi, Chagas.

Para o prefeito ribamarense, Luis Fernando, o momento é de alegria e emoção, afinal o município ganhou de presente grande destaque internacional. “Estamos muito felizes em poder receber hoje aqui representantes da escola que cantam esse ano a religiosidade do nosso município além é claro do reforço que recebemos para alavancar cada vez mais o nosso carnaval”, completou.

A agremiação que esteve em São Luís para cumprir agenda carnavalesca, fez visita de cortesia para conhecer o município, receber as bênçãos do padroeiro, além é claro de apresentar oficialmente à população, o samba enredo que destaca as belezas e religiosidade do município que completou 65 anos de emancipação política.

Emocionado com a receptividade dos ribamarenses, o presidente da Acadêmicos do Tatuapé, Eduardo Santos, destacou toda a empolgação e expectativa da escola para mostrar na avenida a história do Maranhão. “Estamos muito felizes pela escolha e ansiosos para apresentar os detalhes de todo um trabalho que ao longo do ano estamos desenvolvendo. Temos certeza que São José de Ribamar, já abençoou”, brincou o presidente cantando o refrão do samba “Viva São José” que desfila na madrugada do dia 10.

A emoção também tomou conta de dona Elisa Moura. Ela conta que nasceu, foi criada no município, mas que não vai conseguir conter as lágrimas quando ouvir o nome do seu santo preferido ser cantado por uma verdadeira multidão. “Tô ansiosa querendo assistir esse desfile e pode ter certeza que eu e todos os ribamarenses vamos vibrar com a escola na avenida”, contou.

Circuitos da folia

A programação oficial vai contar com apresentações de cerca de 130 agremiações, genuinamente ribamarense, entre blocos organizados, afro, escolas de samba, bandas, artistas locais, dentre outros.

Além da Sede e Vilas, os circuitos da folia ainda contam com outros seis endereços, Parque Vitória, Matinha, Mata Grande, Vila Sarney Filho, Turiúba, e Nova Terra.

A segurança tanto para a prévia quanto dos espaços oficiais da folia, será reforçada por homens da polícia militar, corpo de bombeiros além da Guarda Municipal e seguranças.

Lava-Pratos

A 72ª edição do Carnaval do Lava Pratos será realizada nos dias 17 e 18 de no Parque Municipal do Folclore Therezinha Jansen, na orla marítima da sede da cidade.

SÃO JOÃO DOS PATOS: Pela primeira vez a cidade pode ficar sem carnaval 4

O caos administrativo por qual passa São João dos Patos pode deixar não somente os servidores municipais sem salário, como também os foliões sem o velho e bom carnaval da cidade

É de revolta o sentimento entre a população de São João Patos, principalmente dos foliões patoenses que podem ficar pela primeira vez sem brincar um dos mais tradicionais festas populares do município localizado na Região do Médio Sertão maranhense.

Segundo informações que chegam ao Blog do Robert Lobato, o assunto tomou conta da cidade desde a última entrevista do chefe de gabinete da Prefeitura, o ex-prefeito Zé Mário, revelou as supostas dificuldades de promover o carnaval.

Zé Mário é marido da prefeita Gilvana Evangelista, ambos do PDT, e é quem de fato dá as cartas na gestão municipal de São João dos Patos.

O principal motivo da possível não realização da festa momesca patoense teria a ver com os salários do funcionalismo que encontram-se atrasados. Segundo uma fonte da cidade são “aproximadamente 150 servidores em sua maioria da área da saúde”.

A mesma fonte afirmou ao Blog do Robert Lobato que Zé Mário, o prefeito de fato, em reunião recente com o promotor da cidade teria recebido a determinação do Ministério Público para que somente realize o carnaval mediante o pagamento de todos os salários atrasados.

“Nos bastidores já se comenta que essa possibilidade na verdade é só uma estratégia para que a informação não cause impacto imediato, mas já se sabe que de fato não terá carnaval em 2018. Outra desculpa da atual gestão é que o atraso é em decorrência da crise financeira, mas tudo não passa de pura incompetência, pois o evento já havia sido licitado em torno de R$ 400.000,00. A cidade de São João dos Patos passa por uma grave crise administrativa onde só em janeiro teve o FPM bloqueado por duas vezes, sujeira,mato nas ruas, obras paradas além de salários atrasados”, informou uma fonte qualificada da cidade.

O fato é que o caos administrativo por qual passa São João dos Patos pode deixar não somente os servidores municipais sem seus salários, como também os foliões sem o velho e bom carnaval da cidade.

Fiquem “Retalhos de Cetim”, do grande Benito Di Paula:

Ensaiei meu samba o ano inteiro,
Comprei surdo e tamborim.

Gastei tudo em fantasia,
Era só o que eu queria.
E ela jurou desfilar pra mim,

Minha escola estava tão bonita.
Era tudo o que eu queria ver,

Em retalhos de cetim.
Eu dormi o ano inteiro,
E ela jurou desfilar pra mim.

Mas chegou o carnaval,
E ela não desfilou,
Eu chorei na avenida, eu chorei.

Não pensei que mentia a cabrocha,
Que eu tanto amei...

São José de Ribamar: Luis Fernando antecipa salário de dezembro dos servidores

O prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva, autorizou à Secretaria Municipal de Planejamento, Administração e Finanças (SEMPAF), a antecipação do pagamento integral do salário referente ao mês de dezembro, como parte da política de valorização dos servidores efetivos, concursados e nomeados no Município.

Os recursos serão depositados nas respectivas contas bancárias, nesta quinta-feira (28). Apesar da aguda crise financeira que afeta as prefeituras brasileiras, a atual gestão criou e efetivou um cronograma para pagar em dia o salário dos servidores.

Além do pagamento antecipado, referente ao mês de dezembro, a prefeitura pagou rigorosamente dentro do prazo todas as parcelas relativas ao 13º salário. O último pagamento aconteceu no dia 20 do mês em curso.

De acordo com o prefeito Luis Fernando, o pagamento antecipado tem como objetivo fazer com que o dinheiro possa circular no comércio varejista local, ativando a economia, que sofreu grave recessão nos últimos anos.

“A antecipação salarial é resultado do bom trabalho da nossa equipe de planejamento orçamentário, que tem buscado equilíbrio financeiro, sendo norteado pelo principio da economicidade e a correta aplicação dos recursos públicos do município. Desde o primeiro dia deste ano estamos pagando os servidores da forma correta e honesta. Encontramos o município com altas dívidas, recursos bloqueados e uma total desorganização financeira, mas isso não desanimou a nossa equipe de governo que hoje me propicia esse momento de dar essa notícia aos funcionários”, comemorou o prefeito Luis Fernando.

Reajuste – Fruto também da correta gestão dos recursos, o prefeito Luis Fernando Silva lembrou ainda que concedeu em agosto reajuste salarial de 7,64% aos profissionais do magistério ribamarense

Com o reajuste, o menor valor pago aos profissionais no município passou a ser da ordem de R$1.995,12, o que corresponde ao valor pago acima do piso nacional, considerando carga horária de 20 horas semanais. Para professor de nível superior, na rede de ensino em tempo integral, levando em consideração a carga horária de 40 horas, o salário chega a R$ 10.667,10. O reajuste de 7,64%, deverá impactar cerca de trezentos mil reais a mais no orçamento municipal.

“Tudo isso”, completou o prefeito, “foi conseqüência de muito trabalho, responsabilidade e compromisso”.

São José de Ribamar: Grupos do Voluntariado são premiados e certificados

Cerca de vinte e seis comunidades integrantes do projeto Voluntariado Municipal, desenvolvido pela Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Renda (SEMAS) receberam na tarde da última sexta-feira (01) certificação e premiação em razão de diversas práticas que geram a cidadania e participação social.

Para o prefeito ribamarense, Luis Fernando Silva, que esteve acompanhado do vice-prefeito, Eudes Sampaio, concluir o primeiro ano de gestão com a certificação e premiação das comunidades, é sobretudo, despertar em cada cidadão a prática solidária de com um gesto simples poder colaborar para melhorar as realidades de cada localidade.

“O Voluntariado também é uma ação de reconstrução, afinal retomamos o projeto no início do ano e já estamos certificando mais de três mil pessoas em razão das mais variadas práticas de cidadania geradas ao longo deste primeiro ano de gestão”, disse o prefeito parabenizando todos os componentes do projeto.

Voluntária desde o início do projeto, dona Lucimar Arruda, além de parabenizar a iniciativa, falou também do impacto social que o projeto vem causando de forma positiva nas comunidades.

“O projeto chega para ampliar a participação da população, que deixa de ficar só assistindo e coloca a mão na massa também. Estamos estimulando nossas comunidades para a criação de práticas que levem a cidadania, que melhore a qualidade de vida e claro que dessa forma acompanhamos a gestão pública”, completou a voluntária.

Criado em 2005, quando da primeira gestão do prefeito Luis Fernando, o projeto trouxe inovações para 2017 e lançou desafios para as comunidades que passaram a ser observadas por uma comissão julgadora que avaliou todas as boas práticas desenvolvidas. De acordo com a secretária Sônia Meneses (SEMAS), os melhores grupos foram elencados como primeiro, segundo e terceiro lugar, resultando na premiação apontada pelas próprias comunidades.

“Não foi fácil porque todos se empenharam muito, porém chegamos as definições e hoje cada uma das três melhores práticas recebem os prêmios indicados por eles conforme regulamento do projeto”, explicou a secretária agradecendo ainda a participação e empenho das comunidades.

Premiação

Em primeiro lugar ficou a comunidade Roseana Sarney com 83 pontos. A localidade escolheu como premiação a construção de uma Praça. Em segundo, a Campina, que terá instalado uma Academia ao Ar Livre e, em terceiro, o Parque Jair.

São José de Ribamar: Mais um aparelho público é reconstruído na cidade

Em mais uma etapa da maratona de reconstrução de obras e serviços públicos de São José de Ribamar, a prefeitura ribamarense entregou na última sexta-feira (17) mais uma reconstrução. Desta vez, na praça 1º de Setembro, espaço construído na primeira gestão do prefeito Luis Fernando em homenagem às vítimas de um naufrágio na baia de São José, que culminou na morte de 14 jovens e adolescentes que retornavam da cidade de Icatu.

Totalmente reconstruída, a praça voltada ao lazer e turismo, estava abandonada e destruída, sem uma única reforma nos últimos seis anos. O local passou por um processo de revitalização para que voltasse a oferecer entretenimento com conforto e segurança aos frequentadores.

De acordo com o prefeito Luis Fernando Silva, a praça 1º de Setembro, entregue à população, tem um toque especial por ter sido feita em homenagem às vítimas do acidente marítimo e em respeito aos familiares. ”A recuperação da praça e das ruas adjacentes, faz parte do plano de governo definido pela nossa gestão, que visa contemplar todas as praças da cidade. E aqui hoje no J. Câmara II, estamos devolvendo um equipamento público que é símbolo de respeito e dignidade. E justamente por isso significa muito mais do que algo material. É também uma forma de lembrar e reverenciar os amigos e irmãos ribamarenses que não estão mais entre nós”, comentou o prefeito.

O espaço recebeu novos bancos, reforma dos canteiros, sistema de iluminação, arborização, entre outras melhorias. “Estamos olhando com muita atenção, não apenas para as praças como também para toda a infraestrutura do município”, destacou o vice-prefeito Eudes Sampaio.

Um dos moradores da localidade, o Nilton Silva (44 anos) mostrou-se bastante feliz, com a reconstrução da praça, ”um sonho de muitos anos, vejo que a cidade está melhorando com a gestão que aí está”, destacou.

Participaram da solenidade de reinauguração da praça, os vereadores Beto das Vilas, Paulo Alencar, Cristiano Pinheiro, além de secretários municipais e comunidade local.

Aniversário

Ainda na agenda de eventos da última sexta-feira, o prefeito Luis Fernando, acompanhado do vice-prefeito Eudes Sampaio e sua comitiva, participou do aniversário da rua 17 de Novembro, onde foi recebido pelos moradores e pela vereadora Nádia Barbosa, moradora e organizadora da festa que iniciou ainda na quinta-feira e contou com brincadeiras, atividades esportivas e culturais, apoiadas pela prefeitura ribamarense.

Os 9 anos do Blog do Robert Lobato 12

Muita coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para a satisfação dos leitores e parceiros.

E lá se vão 9 anos de blogosfera…

Isso se não lavar em conta o primeiro blog que fiz no antigo zip.net, da UOL Blogs, no início dos anos 2000.

São nove anos de domínio próprio, a bem dizer. Aliás, teve um bom período no portal do Jornal Pequeno também.

Ao longo de desse tempo ganhei muitos admiradores e pessoas que incentivam o nosso trabalho. Mas também ganhei alguns desafetos que não sabem diferenciar posição e concepções políticas de questões pessoais. Faz parte!

“Bob, qual seria o melhor e o pior momento nestes 9 anos como blogueiro?”, perguntaria uma leitora muito especial do Blog do Robert Lobato (Rsrsrs).

Confesso que não saberia dizer qual o melhor momento. Talvez tenha sido quando da cobertura do impeachment da Dilma, quando gravei, direto de Brasília, vários vídeos com protogonistas daquele traumático momento da vida política nacional.

O pior o momento fica mais fácil de falar, infelizmente. Na verdade, os piores momentos.

Entre eles, quando perdi todos os meus arquivos dos tempos de Jornal Pequeno e agora mais recente os meus posts do robertlobato.com devido a irresponsabilidade da empresas responsável pela hospedagem do blog. Trata-se de um prejuízo incalculável para mim do ponto de vista intelectual e pessoal – modéstia à parte tinha ótimos textos que talvez nunca mais voltarão estar disponíveis para mim e os meus leitores. Uma lástima!

“E qual a melhor e a pior postagem que você escreveu, Bob?”, perguntaria novamente a minha dileta leitora.

Bom, foram tantas postagens interessantes neste 9 anos que seria um equívoco escolher uma especificamente. Sem falar que nem sempre a postagem que para mim é “top”, o é para o leitor. Mas,claro, há vários textos muito bons.

Também não é fácil identificar a pior postagem. Possível é dizer qual delas não escreveria novamente ou que não deveria ter escrito porque o fiz com raiva.

Por exemplo, há uma postagem em que julgo ter sido muito duro, e talvez até injusto, com a ex-deputada federal Rosângela Curado, ainda que minha ira possa encontrar uma explicação razoável que reside numa questão de quebra de confiança.

Mas, enfim, não é bom a gente escrever quando se está com raiva, ou, se tiver que escrever, escolher gente como Bolsonaro, Trump, Doria, aquele baixinho da Coreia do Note e gente desse naipe para liberar a adrenalina. Porém, se puder evitar, melhor!

Mudanças

Muito coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para atender a satisfação dos leitores e parceiros.

E para entender melhor o Blog do Robert Lobato é preciso entender que o seu editor não é apenas um “blogueiro” simplesmente, mas uma militante político e social, além de um ativista digital! Logo tem lado e nunca pretendeu aceitar a falácia de que a imprensa tem que ser imparcial. Isso não existe!

É assim, com coragem, duro mas sem perder a ternura, procurando o equilíbrio na informação e nas análises, que o Blog do Robert Lobato completa exatos 9 anos de idade!

E que venham tantos outros anos pela frente.

Se Deus, São José de Ribamar e Nossa Senhora quiserem!

E eles há de quererem!

São José de Ribamar: Em 10 meses de gestão, Compra Local Municipal já investiu quase 700% a mais do que foi aplicado em 2016

Em pouco mais de dez meses de gestão pública, a Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (SEMAGRI), vem investindo fortemente na chamada agricultura familiar e pesca artesanal.

No total, já foram aplicados só este ano quase R$ 450 mil reais na compra direta de produtos da agricultura familiar, por meio do Compra Local Municipal, isso sem falar dos investimentos feitos em outros programas que estão sendo executados no município.

O programa, que aplica recursos próprios exclusivamente do município para compra de alimentos do setor, além de fortalecer a economia das famílias dos agricultores e pescadores artesanais, também garante a segurança alimentar das crianças e adolescentes da rede municipal de ensino, composta atualmente por 107 unidades.

Todo o investimento, que até o momento corresponde a 624,94%, em relação ao total gerado em 2016, que não ultrapassou a casa dos R$ 71.000,00 mil reais, reflete não apenas no aquecimento econômico do setor, como também vem garantindo a expansão dos negócios de pequenos agricultores.

Um exemplo é agricultor rural, Ribamar Caldas, que cultiva milho há cerca de 15 anos. Segundo ele, a produção escassa deu vez à colheita semanal do produto, que agora já tem destino certo: complementar a merenda escolar dos alunos da rede municipal de ensino.

“Nossa produção semanal resulta hoje na colheita de cerca de três mil espigas de milho por semana. Pouco a pouco estamos avançando e graças ao escoamento certo da produção, podemos investir com mais segurança no crescimento da plantação”, comemora o agricultor.

Além do Seu Ribamar, o recurso próprio da prefeitura ribamarense, aplicado diretamente no setor, já beneficiou outros 277 agricultores com a compra direta de mais de 67 toneladas dos mais variados alimentos, só este ano. Todo o investimento, de acordo com o prefeito Luis Fernando, retorna não apenas no movimento da economia local, mas reflete na qualidade e em condições dignas para o aprendizado dos alunos.

“A compra da produção é uma forma de incentivar a agricultura familiar, mas tudo é feito obedecendo a critérios rigorosos, que vão desde o plantio, à colheita, além do transporte, que é feito de forma a não comprometer os produtos”, explicou o prefeito, enaltecendo também o escoamento direto dos alimentos para as escolas, o que vem refletindo numa melhor condição de aprendizado dos alunos.

Além das escolas da rede municipal de ensino, todos os produtos adquiridos por meio, do Compra Local, seguem para o consumo da Cozinha Escola, Entidades Filantrópicas, além de escolas comunitárias e instituições que cuidam de pessoas vulneráveis. O secretário de agricultura, Isaac Buarque de Holanda, reitera que o objetivo é incentivar cada vez mais o plantio assistido dos agricultores como forma permanente de produção local.

“Temos uma agricultura forte que precisa ser estimulada cada vez mais. E é exatamente isso que o prefeito vem fazendo. Em menos de um ano já percebemos o avanço positivo que reflete em números a confiança do pequeno agricultor, que tem investido em suas pequenas propriedades, plantado com mais confiança porque já pode contar que a produção tem destino certo: abastecer as escolas e demais equipamentos assistidos pela prefeitura”, finaliza o secretário.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Comunidade do Caúra recebe o prefeito Luis Fernando e discute melhorias para a região

A comunidade do Caúra, uma localidade da região da sede de São José de Ribamar, separada por uma reentrância do mar, recebeu na manhã do último sábado (21) todo o staff da gestão do prefeito Luis Fernando, que foi ouvir in loco as necessidades de mais de 80 famílias que residem no bairro, conhecido pela sua beleza natural.

Acompanhado do vice-prefeito Eudes Sampaio, dos vereadores Professor Cristiano, Nádia Barbosa e Marlene Monroe, do Cel. Alexandre (Comandante do Policiamento em São José de Ribamar), do Cel. Aritanâ Lisboa (Comandante do Comando de Policiamento de Área Metropolitana – CPAM II) e do secretariado de todas as áreas da gestão, o prefeito Luis Fernando ouviu durante toda manhã propostas para incrementar o desenvolvimento na localidade e implementar políticas públicas para a melhoria da qualidade da comunidade, em sua maioria, formada por pescadores que sobrevivem de mariscos e pescados extraídos do local.

“É fantástico a gente poder conversar pessoalmente com o prefeito e sua equipe sobre as necessidades da comunidade. Só de ele ter a iniciativa de vir aqui falar com o povo, com certeza mostra seu cuidado com a população”, avaliou Raimundo Almeida Cardoso (74), morador do bairro há mais de 15 anos.

A linha direta da comunidade com o prefeito e com os membros da gestão é uma filosofia de trabalho adotada pelo prefeito Luis Fernando desde sua primeira gestão, quando administrou São José de Ribamar realizando diversas audiências públicas nos bairros, vilas e aglomerações, ouvindo a comunidade, traçando metas e falando diretamente à população o que é possível ser feito, dentro das possibilidades da gestão.

Antes de voltar ao comando do município, ainda no período da pré-campanha, Luis Fernando realizou 18 seminários denominados “Planeja, o Cidadão Decidindo”, nos quais foram coletadas diversas propostas e transformadas em Plano de Governo, registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TER-MA), quando do registro da candidatura vitoriosa.

Desde janeiro de 2017 muitas dessas propostas já se tornaram realidade em favor da comunidade, outras estão em andamento e outras, dentro do prazo orçamentário possível, serão concretizadas.

Durante a conversa com a comunidade do Caúra, uma dessas propostas pensadas no Planeja da Sede foi apresentada à comunidade. Trata-se do “Projeto Caúra”, um conjunto de ideias que visam a implementação de ações de infraestrutura, saúde, educação e políticas públicas de desenvolvimento econômico e turístico da região, sempre obedecendo a particularidade do local que é a preservação das riquezas naturais.

“É desta forma que trabalhamos: ouvindo as pessoas, planejando as ações e dando transparência administrativa. Viemos aqui com toda a nossa equipe conversar com a comunidade e iniciar efetivamente ações que vão com certeza melhorar a qualidade de vida da população local. Não é porque são apenas 80 famílias que não vamos voltar os nossos olhos para a comunidade. Se tivesse apenas uma família ainda assim estaríamos aqui porque esse é o nosso papel: cuidar de todos e de todas as áreas do município”, concluiu o prefeito Luis Fernando.

São José de Ribamar: Prefeitura adquire mais 4 ambulâncias e renova a frota do SAMU

Com disponibilização de recursos inteiramente próprios, o prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva, entregou nesta quinta-feira (19) quatro ambulâncias totalmente equipadas para atender o Serviço Móvel de Urgência (SAMU). O objetivo é ampliar e reforçar o atendimento e resgate dos pacientes nas zonas urbana e rural do município.

Os veículos, dois básicos e dois avançados, foram totalmente equipados com aparelhos e instrumentos médicos de reanimação e manutenção de órgãos vitais, de acordo com as normas do Ministério da Saúde, o que, de acordo com a enfermeira Katiane França, membro da equipe do SAMU, é vital para o atendimento.

“Estamos lidando com vidas e para isso precisamos de equipamentos específicos para o bom atendimento, que na maioria das vezes minimiza o número de óbitos”, pontuou a profissional que trabalha há oito anos no SAMU de São José de Ribamar e parabenizou a aquisição das novas ambulâncias.

O Prefeito Luis Fernando ponderou como “urgente e necessária” toda e qualquer conquista da saúde pois o rápido atendimento pode ser decisivo na hora de salvar vidas.

“São José de Ribamar assim como todo o país continua atravessando essa forte crise econômica, mas não podemos parar muito menos os investimentos na saúde. Apesar dos recursos limitados, estamos investindo na reconstrução da saúde e agora sobe para 10, o número total de ambulâncias e se Deus quiser vamos seguir, no mesmo compasso, trabalhando em prol da população e da reconstrução do nosso município”, garantiu o prefeito.

As ambulâncias serão também utilizadas no Serviço de Suporte Avançado, que prestam atendimentos às vítimas mais graves, inclusive com a presença de médicos socorristas e enfermeiros.

A solenidade de entrega dos equipamentos aconteceu em frente à unidade de saúde Honório Gomes e contou com a presença dos vereadores Cristiano Pinheiro, Cassio Salis, Paulo Alencar, Nádia Barbosa, Marlene Monroe, do vice-prefeito Eudes Sampaio, entre outras lideranças políticas do município.