São José de Ribamar: Prefeitura e Governo do Estado entregam Farol do Saber 2

Devolvido à população ribamarense nesta quarta-feira (11) o antigo Farol da Educação, agora, Biblioteca Farol do Saber. O espaço é direcionado ao aprendizado de estudantes e comunidade em geral, como referência de estímulo ao aprendizado, informação e cultura.

Durante a entrega, o prefeito Luis Fernando, falou da satisfação pessoal em poder mais uma vez devolver um equipamento que faz a diferença na vida da população.

“O Farol, construído quando eu ainda estava à frente da Secretaria de Estado da Educação, é sem dúvida um equipamento voltado à educação que oferece não apenas o saber, mas também dignidade. Fico feliz porque hoje, por meio de parceria firmada com o Governo do Estado, devolvemos este aparelho totalmente reconstruído, que tanto vai colaborar para o aprendizado dos jovens ribamarenses”, comemorou o prefeito.

Luis Fernando ainda lembrou da primeira escola com oferta de ensino médio que será construída no Parque Vitória, além do Liceu Ribamarense III, conquistas que segundo ele deverão elevar ainda mais a oferta de ensino/aprendizado do município.

“Temos à frente duas importantes obras que vão garantir educação aos nossos jovens que não mais precisarão deslocar-se para terem educação de qualidade em outros centros”, completou.

O Farol do Saber compõe o quadro de outros 117 que serão entregues pelo governador Flávio Dino. Compromisso, que de acordo com os secretários de Educação, Felipe Camarão, e de Cultura e Turismo, Diego Galdino, se estenderá à outras áreas.

“Como bem disse o prefeito Luis Fernando, nosso compromisso é com a população e por isso fazer parcerias com um prefeito sério e experiente, como é o prefeito Luis Fernando, nos garante a tranquilidade de entregar não apenas o Farol como também as obras da escola do ensino médio e o Liceu, igualmente importantes para os jovens ribamarenses”, garantiu Felipe Camarão.

Já o secretário de Cultura e Turismo, Diego Galdino, além de enaltecer a importância do espaço de incentivo à leitura, também anunciou a reconstrução da sinalização turística do município, conhecido internacionalmente.

“Mais uma parceria firmada e prontamente atendida pelo governador Flávio Dino, que será a revitalização de toda a sinalização turística de São José de Ribamar, que hoje desponta internacionalmente como um dos grandes destinos voltados ao lazer e fé”, anunciou.

A Professora Tereza, presente a cerimônia, parabenizou a iniciativa da gestão. “É muito importante que espaços como estes sejam resgatados, pois estimulam a leitura e a cultura”, comentou. A reabertura do Farol também foi aprovada pelas crianças”. “Eu achei muito legal, além de bonita tem muito livro infantil e espaço para brincar”, disse Maria Cristiane (7 anos).

A solenidade de entrega da obra contou ainda com a presença dos vereadores ribamarenses, secretários da administração municipal, do vice-prefeito, Eudes Sampaio, lideranças locais e comunidade em geral.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Prefeitura entrega mais 260 títulos definitivos de propriedade à famílias ribamarenses

Dando sequência ao programa de regularização fundiária que iniciou em 2017 com a criação da Secretaria Municipal de Regularização Fundiária (SEMREF) em São José de Ribamar, o prefeito Luis Fernando Silva entregou na última sexta-feira (06) mais 260 títulos de propriedade definitivos à moradores de 19 bairros ribamarenses.

Nesta segunda etapa, foram entregues títulos individuais, que ocorre quando o cidadão pede a regularização do imóvel. Com o documento em mãos, os proprietários poderão a partir de agora, obter a matrícula do imóvel diretamente junto ao Cartório de Registro de Imóveis e assim exercer todos os direitos reais sobre os mesmos.

Durante a solenidade, o prefeito Luis Fernando, ressaltou a importância da iniciativa, que vem sendo realizada desde o ano passado com o objetivo de assegurar as famílias o direito a posse da área onde vive.

“Em 2016 entregamos em uma grande cerimônia coletiva, mais de 1300 títulos para as comunidades de Canudos e Terra Livre. Hoje voltamos a convocar as famílias para entregar mais 260 títulos, e em maio outros 300 documentos de posse já estão sendo programados para entrega. Essa é sem dúvida uma das ações mais gratificantes para qualquer gestor, que é de garantir em lei o que é seu, sua casa, seu lar, sua moradia”, disse o gestor.

Dona Vanderlina Santos de 84 anos, disse que esperou 30 anos para sentir a emoção de poder receber o título que simboliza seu pedaço de chão. “Eu estou muito feliz e satisfeita. Foram 30 anos de espera, mais hoje já posso chamar minha propriedade de minha”, comemorou a aposentada.

Além da região da Sede, também receberam títulos de propriedade, famílias dos bairros Sarney Filho, Panaquatira, Vila Kiola, Jardim Tropical, Araçagy, Vila Cafeteria, Tijupar Queimado, Matinha, Cohatrac, Vila Santiago, Jota Câmara, São Raimundo, Piçarreira, Vila Dr. Julinho, Trizidela, Parque Jair, Cohabiano, Quinta e Jota Lima.

De acordo com o secretário de regularização fundiária, Daniel Menezes, a previsão é que até maio, também sejam entregues títulos individuais e coletivos. “O prefeito já determinou que o trabalho de levantamento e regularização seja acelerado para que as famílias que aguardam há anos regularizar seu imóvel, tenham concretizado seu sonho no menor tempo possível”, revelou.

Além do vice-prefeito, Eudes Sampaio, também participaram da entrega os vereadores Paulo Alencar, Marlene Monroe, e o vereador professor Cristiano, líder de Governo.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Luis Fernando assina ordem de serviço garantindo pavimentação em seis bairros das Vilas 2

O prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva e o governador Flávio Dino, assinaram neste sábado (17), ordem de serviço autorizando o imediato início de obras de pavimentação em vias de seis bairros da cidade, além de asfaltamento da Avenida Paraíso. A ação é fruto de convênio do Governo do Estado com a Prefeitura ribamarense, que vem trabalhando diversas parcerias em todas as áreas da administração pública.

Para pavimentação, foram destinado um total de R$ 5 milhões que envolve ainda a realização de drenagem e urbanização de vias e corredores dos bairros Vila São Luís, Vila Flamengo, Vila Kiola, Vila Sarney Filho I, J.Lima e Jardim Tropical, incluindo a Avenida Paraíso, que será iniciada após a conclusão do projeto executivo e respectiva licitação. Muitas das vias estão completamente destruídas por falta de manutenção e conservação.

De acordo com o prefeito Luis Fernando, o pacote de serviços engloba a sequência de uma série de ordens de serviço de obras que vem sendo desencadeada desde o início de 2018. Somente no mês de Março deste ano, mês aliás que comemora-se o aniversário do santo padroeiro, São José, o prefeito Luis Fernando lembra, que já foram assinadas cinco ordens de serviços autorizando a reconstrução de Unidades Básicas de Saúde do município.

“Hoje damos largada em definitivo para a resolução de um problema crônico na área da infraestrutura, também fruto de má administração, e que o povo das Vilas vinha sofrendo há anos”, disse. Luis Fernando também lembrou que desde o início da atual gestão, mais de 200 km de ruas já foram recuperadas, entre vias asfaltadas e revestimento primário.

“Já entramos em vários bairros igualmente comprometidos, fazendo intervenções para minimizar os problemas, a exemplo da Sede, Panaquatira, a própria região das Vilas, a estrada do Unicamping que liga ao Juçatuba. Bastante sensível a todas as causas ribamarenses, o governador firma conosco importantes parcerias em prol da reconstrução do nosso município, e se Deus quiser, vamos continuar levando dignidade a nossa gente”, completou o gestor.

Além da infraestrutura, o governador Flávio Dino em tom de descontraído recordou que pelo comprometimento e trabalho, características do prefeito Luis Fernando, já esteve no município quase 20 vezes, levando serviços por meio de parcerias.

“Já somos de casa. Ribamar é um município importante e por essa razão, com um gestor comprometido como é o Luis Fernando não temos dúvida que ainda estaremos por muitas e muitas vezes firmando ainda mais obras e serviços que colaborem para a reconstrução do município, direito de cada ribamarense”, garantiu.

Durante a solenidade, Flávio Dino também entregou, por meio do programa Mais Renda, 25 kits de beleza contendo secadores, chapinhas, lavatórios, tesouras, secador, itens de manicure e mais 125 carrinhos para venda de lanche, contendo fardamento oficial, utensílios e demais equipamentos.

O secretário de estado do desenvolvimento social, Neto Evangelista falou da satisfação em oportunizar o incremento da economia local por meio do incentivo aos pequenos empreendedores. “São José de Ribamar ganha hoje aqui diversos benefícios e serviços, atendendo assim a população. Temos certeza que todo esse material será de grande importância para que as famílias tenham renda e mais dignidade no dia a dia”, finalizou.

O evento contou com a presença dos vereadores ribamarenses, do vice-prefeito Eudes Sampaio, secretários municipais e estaduais, além de lideranças políticas da região.

TATUAPÉ: A vitória foi popular, mas também pessoal para o prefeito Luis Fernando

Se o bicampeonato da Acadêmicos de Tatuapé foi uma vitória popular, do ponto de gestão da cidade de Ribamar foi uma vitória pessoal do prefeito Luis Fernando que apostou todas as fichas nesse projeto como forma de “vender” o município para o Maranhão, Brasil e o mundo

O bicampeonato obtido pela Escola de Samba Acadêmicos do Tatuapé foi uma vitória popular ampla, geral e irrestrita, que começou na cidade de São Paulo e chegou no Maranhão, principalmente na cidade de São José de Ribamar, que fez parte do enredo da escola bicampeã.

A cidade balneária, que já estava na expectativa de um belo desfile da Tatuapé, foi surpreendida com uma vitória mais do que merecida, que, com certeza contou com as bênçãos do nosso santo padroeiro São José de Ribamar.

É possível que uma pequena minoria não tenha gostado do resultado do desfile de carnaval das escolas paulistanas ou mesmo até torcido contra. Faz parte.

Contudo, o importante que a quase a totalidade dos ribamarenses estava na torcida para que tudo acabasse bem. E foi o que aconteceu!

Prefeito Luis Fernando: De alma lavada com a vitória da Acadêmicos do Tatuapé.

E se o bicampeonato da Acadêmicos de Tatuapé foi uma vitória popular por si só, do ponto da gestão da cidade de Ribamar foi uma vitória pessoal do prefeito Luis Fernando (PSDB) que apostou todas as fichas nesse projeto como forma de “vender” o município para o Maranhão, Brasil e o mundo. Bingo!

Alvo de críticas e de desconfianças de todos os lados, e posto sob suspeita por afirmar que o erário municipal não foi obrigado a dar quaisquer contrapartidas para ser homenageada pela Tatuapé, Luis Fernando sai de alma lavada de todo esse processo.

E não bastasse a vitória da Acadêmicos do Tatuapé, a cidade de São José de Ribamar ainda pôde contar com a volta do bom e velho carnaval tradicional, que foi definitivamente reconstruído com nada menos do que sete circuitos oficiais contemplando bairros e povoados do município.

E olha que ainda vem por aí o tradicional Carnaval de Lava-Pratos com uma bela surpresa para os foliões, no próximo final de semana, para fechar a com chave de ouro a festa momesca na bela e agora campeã cidade de São José de Ribamar.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Acadêmicos do Tatuapé prestigia lançamento do Carnaval da cidade 2

A escola paulistana Acadêmicos do Tatuapé participou neste domingo (04) do lançamento do Carnaval de São José de Ribamar que este ano acontece de 10 a 13 de fevereiro. Com o tema “São José de Ribamar na Passarela do Mundo”, a edição 2018 faz alusão à homenagem feita pela escola, que este ano conta no sambódromo a rica história do santo padroeiro do Maranhão.

E foram eles, os legítimos representantes da agremiação campeã do carnaval de 2017, que deram o tom do que promete dominar nos dias oficiais da folia momesca. A programação também contou com o reforço e talento da cantora Negra Jane, de Goiânia, da bateria forte da Escola Unidos de Ribamar, Império Serrano de São Luís, Bloco Fênix, além da participação do cantador de Bumba Meu Boi, Chagas.

Para o prefeito ribamarense, Luis Fernando, o momento é de alegria e emoção, afinal o município ganhou de presente grande destaque internacional. “Estamos muito felizes em poder receber hoje aqui representantes da escola que cantam esse ano a religiosidade do nosso município além é claro do reforço que recebemos para alavancar cada vez mais o nosso carnaval”, completou.

A agremiação que esteve em São Luís para cumprir agenda carnavalesca, fez visita de cortesia para conhecer o município, receber as bênçãos do padroeiro, além é claro de apresentar oficialmente à população, o samba enredo que destaca as belezas e religiosidade do município que completou 65 anos de emancipação política.

Emocionado com a receptividade dos ribamarenses, o presidente da Acadêmicos do Tatuapé, Eduardo Santos, destacou toda a empolgação e expectativa da escola para mostrar na avenida a história do Maranhão. “Estamos muito felizes pela escolha e ansiosos para apresentar os detalhes de todo um trabalho que ao longo do ano estamos desenvolvendo. Temos certeza que São José de Ribamar, já abençoou”, brincou o presidente cantando o refrão do samba “Viva São José” que desfila na madrugada do dia 10.

A emoção também tomou conta de dona Elisa Moura. Ela conta que nasceu, foi criada no município, mas que não vai conseguir conter as lágrimas quando ouvir o nome do seu santo preferido ser cantado por uma verdadeira multidão. “Tô ansiosa querendo assistir esse desfile e pode ter certeza que eu e todos os ribamarenses vamos vibrar com a escola na avenida”, contou.

Circuitos da folia

A programação oficial vai contar com apresentações de cerca de 130 agremiações, genuinamente ribamarense, entre blocos organizados, afro, escolas de samba, bandas, artistas locais, dentre outros.

Além da Sede e Vilas, os circuitos da folia ainda contam com outros seis endereços, Parque Vitória, Matinha, Mata Grande, Vila Sarney Filho, Turiúba, e Nova Terra.

A segurança tanto para a prévia quanto dos espaços oficiais da folia, será reforçada por homens da polícia militar, corpo de bombeiros além da Guarda Municipal e seguranças.

Lava-Pratos

A 72ª edição do Carnaval do Lava Pratos será realizada nos dias 17 e 18 de no Parque Municipal do Folclore Therezinha Jansen, na orla marítima da sede da cidade.

SÃO JOÃO DOS PATOS: Pela primeira vez a cidade pode ficar sem carnaval 4

O caos administrativo por qual passa São João dos Patos pode deixar não somente os servidores municipais sem salário, como também os foliões sem o velho e bom carnaval da cidade

É de revolta o sentimento entre a população de São João Patos, principalmente dos foliões patoenses que podem ficar pela primeira vez sem brincar um dos mais tradicionais festas populares do município localizado na Região do Médio Sertão maranhense.

Segundo informações que chegam ao Blog do Robert Lobato, o assunto tomou conta da cidade desde a última entrevista do chefe de gabinete da Prefeitura, o ex-prefeito Zé Mário, revelou as supostas dificuldades de promover o carnaval.

Zé Mário é marido da prefeita Gilvana Evangelista, ambos do PDT, e é quem de fato dá as cartas na gestão municipal de São João dos Patos.

O principal motivo da possível não realização da festa momesca patoense teria a ver com os salários do funcionalismo que encontram-se atrasados. Segundo uma fonte da cidade são “aproximadamente 150 servidores em sua maioria da área da saúde”.

A mesma fonte afirmou ao Blog do Robert Lobato que Zé Mário, o prefeito de fato, em reunião recente com o promotor da cidade teria recebido a determinação do Ministério Público para que somente realize o carnaval mediante o pagamento de todos os salários atrasados.

“Nos bastidores já se comenta que essa possibilidade na verdade é só uma estratégia para que a informação não cause impacto imediato, mas já se sabe que de fato não terá carnaval em 2018. Outra desculpa da atual gestão é que o atraso é em decorrência da crise financeira, mas tudo não passa de pura incompetência, pois o evento já havia sido licitado em torno de R$ 400.000,00. A cidade de São João dos Patos passa por uma grave crise administrativa onde só em janeiro teve o FPM bloqueado por duas vezes, sujeira,mato nas ruas, obras paradas além de salários atrasados”, informou uma fonte qualificada da cidade.

O fato é que o caos administrativo por qual passa São João dos Patos pode deixar não somente os servidores municipais sem seus salários, como também os foliões sem o velho e bom carnaval da cidade.

Fiquem “Retalhos de Cetim”, do grande Benito Di Paula:

Ensaiei meu samba o ano inteiro,
Comprei surdo e tamborim.

Gastei tudo em fantasia,
Era só o que eu queria.
E ela jurou desfilar pra mim,

Minha escola estava tão bonita.
Era tudo o que eu queria ver,

Em retalhos de cetim.
Eu dormi o ano inteiro,
E ela jurou desfilar pra mim.

Mas chegou o carnaval,
E ela não desfilou,
Eu chorei na avenida, eu chorei.

Não pensei que mentia a cabrocha,
Que eu tanto amei...

São José de Ribamar: Luis Fernando antecipa salário de dezembro dos servidores

O prefeito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva, autorizou à Secretaria Municipal de Planejamento, Administração e Finanças (SEMPAF), a antecipação do pagamento integral do salário referente ao mês de dezembro, como parte da política de valorização dos servidores efetivos, concursados e nomeados no Município.

Os recursos serão depositados nas respectivas contas bancárias, nesta quinta-feira (28). Apesar da aguda crise financeira que afeta as prefeituras brasileiras, a atual gestão criou e efetivou um cronograma para pagar em dia o salário dos servidores.

Além do pagamento antecipado, referente ao mês de dezembro, a prefeitura pagou rigorosamente dentro do prazo todas as parcelas relativas ao 13º salário. O último pagamento aconteceu no dia 20 do mês em curso.

De acordo com o prefeito Luis Fernando, o pagamento antecipado tem como objetivo fazer com que o dinheiro possa circular no comércio varejista local, ativando a economia, que sofreu grave recessão nos últimos anos.

“A antecipação salarial é resultado do bom trabalho da nossa equipe de planejamento orçamentário, que tem buscado equilíbrio financeiro, sendo norteado pelo principio da economicidade e a correta aplicação dos recursos públicos do município. Desde o primeiro dia deste ano estamos pagando os servidores da forma correta e honesta. Encontramos o município com altas dívidas, recursos bloqueados e uma total desorganização financeira, mas isso não desanimou a nossa equipe de governo que hoje me propicia esse momento de dar essa notícia aos funcionários”, comemorou o prefeito Luis Fernando.

Reajuste – Fruto também da correta gestão dos recursos, o prefeito Luis Fernando Silva lembrou ainda que concedeu em agosto reajuste salarial de 7,64% aos profissionais do magistério ribamarense

Com o reajuste, o menor valor pago aos profissionais no município passou a ser da ordem de R$1.995,12, o que corresponde ao valor pago acima do piso nacional, considerando carga horária de 20 horas semanais. Para professor de nível superior, na rede de ensino em tempo integral, levando em consideração a carga horária de 40 horas, o salário chega a R$ 10.667,10. O reajuste de 7,64%, deverá impactar cerca de trezentos mil reais a mais no orçamento municipal.

“Tudo isso”, completou o prefeito, “foi conseqüência de muito trabalho, responsabilidade e compromisso”.

São José de Ribamar: Grupos do Voluntariado são premiados e certificados

Cerca de vinte e seis comunidades integrantes do projeto Voluntariado Municipal, desenvolvido pela Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria de Assistência Social, Trabalho e Renda (SEMAS) receberam na tarde da última sexta-feira (01) certificação e premiação em razão de diversas práticas que geram a cidadania e participação social.

Para o prefeito ribamarense, Luis Fernando Silva, que esteve acompanhado do vice-prefeito, Eudes Sampaio, concluir o primeiro ano de gestão com a certificação e premiação das comunidades, é sobretudo, despertar em cada cidadão a prática solidária de com um gesto simples poder colaborar para melhorar as realidades de cada localidade.

“O Voluntariado também é uma ação de reconstrução, afinal retomamos o projeto no início do ano e já estamos certificando mais de três mil pessoas em razão das mais variadas práticas de cidadania geradas ao longo deste primeiro ano de gestão”, disse o prefeito parabenizando todos os componentes do projeto.

Voluntária desde o início do projeto, dona Lucimar Arruda, além de parabenizar a iniciativa, falou também do impacto social que o projeto vem causando de forma positiva nas comunidades.

“O projeto chega para ampliar a participação da população, que deixa de ficar só assistindo e coloca a mão na massa também. Estamos estimulando nossas comunidades para a criação de práticas que levem a cidadania, que melhore a qualidade de vida e claro que dessa forma acompanhamos a gestão pública”, completou a voluntária.

Criado em 2005, quando da primeira gestão do prefeito Luis Fernando, o projeto trouxe inovações para 2017 e lançou desafios para as comunidades que passaram a ser observadas por uma comissão julgadora que avaliou todas as boas práticas desenvolvidas. De acordo com a secretária Sônia Meneses (SEMAS), os melhores grupos foram elencados como primeiro, segundo e terceiro lugar, resultando na premiação apontada pelas próprias comunidades.

“Não foi fácil porque todos se empenharam muito, porém chegamos as definições e hoje cada uma das três melhores práticas recebem os prêmios indicados por eles conforme regulamento do projeto”, explicou a secretária agradecendo ainda a participação e empenho das comunidades.

Premiação

Em primeiro lugar ficou a comunidade Roseana Sarney com 83 pontos. A localidade escolheu como premiação a construção de uma Praça. Em segundo, a Campina, que terá instalado uma Academia ao Ar Livre e, em terceiro, o Parque Jair.

São José de Ribamar: Mais um aparelho público é reconstruído na cidade

Em mais uma etapa da maratona de reconstrução de obras e serviços públicos de São José de Ribamar, a prefeitura ribamarense entregou na última sexta-feira (17) mais uma reconstrução. Desta vez, na praça 1º de Setembro, espaço construído na primeira gestão do prefeito Luis Fernando em homenagem às vítimas de um naufrágio na baia de São José, que culminou na morte de 14 jovens e adolescentes que retornavam da cidade de Icatu.

Totalmente reconstruída, a praça voltada ao lazer e turismo, estava abandonada e destruída, sem uma única reforma nos últimos seis anos. O local passou por um processo de revitalização para que voltasse a oferecer entretenimento com conforto e segurança aos frequentadores.

De acordo com o prefeito Luis Fernando Silva, a praça 1º de Setembro, entregue à população, tem um toque especial por ter sido feita em homenagem às vítimas do acidente marítimo e em respeito aos familiares. ”A recuperação da praça e das ruas adjacentes, faz parte do plano de governo definido pela nossa gestão, que visa contemplar todas as praças da cidade. E aqui hoje no J. Câmara II, estamos devolvendo um equipamento público que é símbolo de respeito e dignidade. E justamente por isso significa muito mais do que algo material. É também uma forma de lembrar e reverenciar os amigos e irmãos ribamarenses que não estão mais entre nós”, comentou o prefeito.

O espaço recebeu novos bancos, reforma dos canteiros, sistema de iluminação, arborização, entre outras melhorias. “Estamos olhando com muita atenção, não apenas para as praças como também para toda a infraestrutura do município”, destacou o vice-prefeito Eudes Sampaio.

Um dos moradores da localidade, o Nilton Silva (44 anos) mostrou-se bastante feliz, com a reconstrução da praça, ”um sonho de muitos anos, vejo que a cidade está melhorando com a gestão que aí está”, destacou.

Participaram da solenidade de reinauguração da praça, os vereadores Beto das Vilas, Paulo Alencar, Cristiano Pinheiro, além de secretários municipais e comunidade local.

Aniversário

Ainda na agenda de eventos da última sexta-feira, o prefeito Luis Fernando, acompanhado do vice-prefeito Eudes Sampaio e sua comitiva, participou do aniversário da rua 17 de Novembro, onde foi recebido pelos moradores e pela vereadora Nádia Barbosa, moradora e organizadora da festa que iniciou ainda na quinta-feira e contou com brincadeiras, atividades esportivas e culturais, apoiadas pela prefeitura ribamarense.

Os 9 anos do Blog do Robert Lobato 12

Muita coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para a satisfação dos leitores e parceiros.

E lá se vão 9 anos de blogosfera…

Isso se não lavar em conta o primeiro blog que fiz no antigo zip.net, da UOL Blogs, no início dos anos 2000.

São nove anos de domínio próprio, a bem dizer. Aliás, teve um bom período no portal do Jornal Pequeno também.

Ao longo de desse tempo ganhei muitos admiradores e pessoas que incentivam o nosso trabalho. Mas também ganhei alguns desafetos que não sabem diferenciar posição e concepções políticas de questões pessoais. Faz parte!

“Bob, qual seria o melhor e o pior momento nestes 9 anos como blogueiro?”, perguntaria uma leitora muito especial do Blog do Robert Lobato (Rsrsrs).

Confesso que não saberia dizer qual o melhor momento. Talvez tenha sido quando da cobertura do impeachment da Dilma, quando gravei, direto de Brasília, vários vídeos com protogonistas daquele traumático momento da vida política nacional.

O pior o momento fica mais fácil de falar, infelizmente. Na verdade, os piores momentos.

Entre eles, quando perdi todos os meus arquivos dos tempos de Jornal Pequeno e agora mais recente os meus posts do robertlobato.com devido a irresponsabilidade da empresas responsável pela hospedagem do blog. Trata-se de um prejuízo incalculável para mim do ponto de vista intelectual e pessoal – modéstia à parte tinha ótimos textos que talvez nunca mais voltarão estar disponíveis para mim e os meus leitores. Uma lástima!

“E qual a melhor e a pior postagem que você escreveu, Bob?”, perguntaria novamente a minha dileta leitora.

Bom, foram tantas postagens interessantes neste 9 anos que seria um equívoco escolher uma especificamente. Sem falar que nem sempre a postagem que para mim é “top”, o é para o leitor. Mas,claro, há vários textos muito bons.

Também não é fácil identificar a pior postagem. Possível é dizer qual delas não escreveria novamente ou que não deveria ter escrito porque o fiz com raiva.

Por exemplo, há uma postagem em que julgo ter sido muito duro, e talvez até injusto, com a ex-deputada federal Rosângela Curado, ainda que minha ira possa encontrar uma explicação razoável que reside numa questão de quebra de confiança.

Mas, enfim, não é bom a gente escrever quando se está com raiva, ou, se tiver que escrever, escolher gente como Bolsonaro, Trump, Doria, aquele baixinho da Coreia do Note e gente desse naipe para liberar a adrenalina. Porém, se puder evitar, melhor!

Mudanças

Muito coisa mudou desde quando chegamos na blogosfera. O próprio Blog mudou várias vezes sempre tentando fazer o melhor para atender a satisfação dos leitores e parceiros.

E para entender melhor o Blog do Robert Lobato é preciso entender que o seu editor não é apenas um “blogueiro” simplesmente, mas uma militante político e social, além de um ativista digital! Logo tem lado e nunca pretendeu aceitar a falácia de que a imprensa tem que ser imparcial. Isso não existe!

É assim, com coragem, duro mas sem perder a ternura, procurando o equilíbrio na informação e nas análises, que o Blog do Robert Lobato completa exatos 9 anos de idade!

E que venham tantos outros anos pela frente.

Se Deus, São José de Ribamar e Nossa Senhora quiserem!

E eles há de quererem!