ELEIÇÕES 2018: Roberto Rocha apresenta um conjunto de propostas estruturantes para o MA 6

O tucano apresentou um plano arrojado com propostas estruturantes para o desenvolvimento do Maranhão, tais como a ZEMA (Zona de Exportação do Maranhão), Novo Plano Rodoferroviário, Expansão do Microcrédito, Potos Secos, Estímulos a Arranjos Produtivos, Potos Secos, Centrais de Abastecimentos, Forte Políticas Agroindustriais etc

O candidato a governador Roberto Rocha-45 deu início a sua campanha fazendo exatamente o que eleitor espera dos pretendentes a ocupar o principal posto político de um estado: apresentar propostas viáveis e factíveis.

Ontem, terça-feira, 21, Roberto Rocha fez dois movimentos exatamente no sentido de quem deseja fazer uma campanha propositiva, limpa, séria e que coloque o Maranhão no centro do debate eleitoral de 2018.

Primeiro, o candidato tucano registrou, em cartório, o seu Plano de Governo. O registro foi realizado no Cartório Cantuária de Azevedo, à Rua Djalma Dutra, 84, no beco Catarina Mina, Centro de São Luis. Roberto Rocha estava acompanhado da sua candidata a vice-governadora, deputada Graça Paz, dos dois candidatos ao Senado, Alexandre Almeida e José Reinaldo, e ainda de assessores.

Em seguida, já à noite, foi a vez do candidato pelo PSDB apresentar o plano de governo, denominado Caderno de Ideias, à imprensa, aos candidatos da coligação coligação “União e Coragem para fazer um Maranhão melhor”, intelectuais e à sociedade em geral.

Para um auditório lotado, Roberto Rocha apresentou um plano arrojado com propostas estruturantes para o desenvolvimento do Maranhão, tais como a ZEMA (Zona de Exportação do Maranhão), Novo Plano Rodoferroviário, Expansão do Microcrédito, Potos Secos, Estímulos a Arranjos Produtivos, Potos Secos, Centrais de Abastecimentos, Forte Políticas Agroindustriais etc.

Ou sejam, enquanto Roberto Rocha quer discutir de qualificada o presente do Maranhão com os olhos no futuro da nossa gente, os porta-vozes do Palácio dos Leões estão preocupados apenas com uma rede Call Centers, outra boa excelente proposta do R-45, mas que está sendo completamente descaracterizada por pura má-fé.

Esse é o Maranhão de Flávio Dino e seus asseclas.

Uma lástima!

Conheça o Plano de Ideias R-45 do candidato Roberto Rocha-45.

CULTURA DO FAZER: Roberto Rocha e Graça Paz apresentam plano de governo do PSDB para o Maranhão

A ideia do tucano é adotar novas práticas na gestão pública que sirvam, inclusive, como referência aos municípios maranhenses. O foco é na eficiência e nos resultados administrativos sem a ideologização do governo, que acaba atravancando o desenvolvimento do estado.

Nesta terça-feira, 21, candidato ao Governo do Estado do Maranhão, Roberto Rocha, e a vice, Graça Paz (PSDB), vão apresentar nas diretrizes gerais do seu Plano de Governo. O evento vai acontecer às 18h, no Palácio Luís XIII, localizado na Avenida Jerônimo de Albuquerque, 22- Alto do Calhau, em São Luís.

O documento intitulado “Caderno de Boas Ideias”, é a síntese das principais propostas básicas que o senador Roberto Rocha desenvolveu em todos os municípios do estado, ao longo de suas atividades parlamentares. A proposta deriva de uma concepção de governo que já vem norteando as ações, projetos e ideias do mandato do senador maranhense e definem uma visão geral que, segundo ele, “devem estar clara para a população maranhense”, no momento em que o ele oferece seu nome para ocupar o mais alto cargo de comando no estado.

Cultura do fazer

Nas visitas que tem feito pelo interior do Maranhão, o candidato Roberto Rocha tem dito que uma vez eleito governador deseja inaugurar uma “cultura do fazer” no estado.

A ideia do tucano é adotar novas práticas na gestão pública que sirvam, inclusive, como referência aos municípios maranhenses. O foco é na eficiência e nos resultados administrativos sem a ideologização do governo, que acaba atravancando o desenvolvimento do estado.

É um pouco dessa “cultura do fazer” que Roberto Rocha apresentará amanhã  para a imprensa e a sociedade em geral ao lado da sua vice Graça Paz e demais aliados da coligação “União e Coragem para fazer um Maranhão melhor”.

ELEIÇÕES 2018: Ricardo Murad vai apresentar diretrizes do seu “Plano de Governo” 12

O ex-secretário de Saúde usou ainda a rede social do Facebook para comentar os números da pesquisa Vox Populi contratada pela Jakarta Publicidade

O ex-secretário de Saúde do governo Roseana Sarney (PMDB), Ricardo Murad, vai, ainda este ano, apresentar à imprensa e à sociedade em geral o que seria as diretrizes do seu “Plano de Governo”.

Quem teve acesso ao documento afirma tratar-se de algo “arrojado” e “diferente de tudo do que já se viu em termos de objetivos, metas e projetos socioeconômicos bem definidos e viáveis”.

Apresentação estava marcada inicialmente para acontecer nesta quarta-feira, 6, mas foi adiada para o próximo dia 12 de dezembro.

Pela sua página pessoal no Facebook, o pré-candidato pelo PRP anunciou: “Reunião da Executiva do PRP remarcada para o dia 12 de dezembro. Mais próximo comunico hora e local. Estamos trabalhando para apresentar o conceito de um projeto estratégico para o Maranhão e precisamos de mais um pouco de tempo”.

Bom, quem conhece um pouco o perfil de Ricardo Murad sabe que se trata de um gestor realmente ousado, líder que valoriza os bons talentos da sua equipe, delega e cobra tarefas, enfim, é alguém que tem foco em resultados, característica fundamental para qualquer gestor público, ou melhor dizendo, para um “empreendedor público”.

Vox Populi

Ricardo Murad usou a rede social do Facebook também para comentar os números da pesquisa Vox Populi, contratada e apresentada pela Jakarta Publicidade, na tarde de ontem, 4, no Hotel Luzeiros.

O ex-secretário de Saúde mostrou-se confiante na vitória da oposição assegurando que que a pesquisa confirma a insatisfação do eleitorado com o governo de Flávio Dino.

Como digo, a população clama por um novo governo. Flavio Dino, eleito com 68% dos votos, a cada dia perde eleitores. Nessa pesquisa nacional divulgada hoje pelo instituto Vox Populi, está com apenas 37% das intenções de voto. Os nomes da oposição já somam 52%. O resultado confirma a insatisfação cada vez maior com o governo comunista que não cumpriu nada do que prometeu. E ainda estamos na fase embrionária do processo eleitoral.
Vamos que vamos. A vitória será da oposição”, postou.

Se realmente levar a cabo o projeto “Ricardo governador-44”, e nada levar a crer que não o fará, e conseguir o um tempo minimante razoável no horário gratuito, não há sombras de dúvidas de que o “Trator” dará trabalho para muita gente aí.

É aguardar e conferir.