ELEIÇÕES 2018: Movimentos de setores do MDB pró-Braide obriga Roseana ganhar a estrada 16

Ao tomar conhecimento dessas movimentações de setores do MDB a favor de Braide, Roseana resolveu deixar de manha e ganhar o mundo numa turnê de pré-campanha que só encerra no dia 17 de março

A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) resolveu se movimentar e anunciou, nesta semana, que irá percorrer 30 municípios a partir do dia 08 deste mês com a primeira parada na cidade de Santa Inês.

Mais do que por vontade própria, por assim dizer, o que realmente motivou a emedebista a ganhar estrada nesta pré-campanha foi o início de articulações de bastidores de setores do MDB em direção ao deputado estadual Eduardo Braide, dada a indefinição de Roseana se sairá mesmo em busca de um quinto mandato de governadora. Tal indefinição estava incomodando os aliados da ex-governadora.

Uma fonte ligada a uma liderança histórica do MDB garantiu ao Blog do Robert Lobato que interlocutores do partido já estavam em conversas com Braide no sentido de fazê-lo candidato a governador com apoio do grupo Sarney sem a necessidade do parlamentar deixar o PMN e, assim, tentar garantir a eleição de Sarney Filho (PV) a senador da República.

Ao tomar conhecimento dessas movimentações, Roseana resolveu deixar de manha e ganhar o mundo numa turnê de pré-campanha que só encerrará no dia 17 de março.

É aquela história: camarão que dorme a onda leva.

E Roseana resolveu acordar.

ELEIÇÕES 2018: Roseana Sarney trilha um caminho sem volta 10

Para admitirmos um recuo de Roseana Sarney em disputar o Palácio dos Leões só se ocorrer uma hecatombe que fuja ao território da política

Claro que na política nada pode ser dado como 100% de certeza.

Isso porque ela, a política, tem a sua dinâmica própria e dependendo das circunstâncias e das conjunturas aquilo que parecia ser inevitável acaba se desmanchando no ar e aí… já era!

A ex-governadora Roseana Sarney (PMDB), por exemplo, não esconde que deseja ser candidata em 2018 quando tentaria um quinto mandato de governadora do estado.

Porém, há quem ainda duvide de que a peemedebista seja realmente candidata. “Só acredito quando ver a candidatura registrada no TRE-MA”, disse ao Blog do Robert Lobato um ex-secretário de Estado no governo Roseana.

Ocorre que a ex-governadora está trilhando um caminho, digamos, meio sem volta em relação à eleição de governo no ano quem vem.

São agendas e mais agendas diárias com lideranças políticas de todo o estado, reuniões com dirigentes partidários, articulações com pré-candidatos a deputado, encontros com membros da cúpula nacional do PMDB, participação em eventos no interior, enfim, Roseana tem se movimentado intensamente como pré-candidata à governadora.

E são justamente esses movimentos que tendem a dificultar uma desistência da líder peemedebista lá na frente, até porque o seu grupo depende de forma vital de uma candidatura competitiva com a dela em 2018.

Para admitirmos um recuo de Roseana Sarney em disputar o Palácio dos Leões só se ocorrer uma hecatombe que fuja ao território da política.

O que, convenhamos, é pouco provável.

ELEIÇÕES 2018: “Se Roseana Sarney for candidata metade desta Assembleia vai com ela”, diz deputado governista 6

De fato, quem conhece minimante a Assembleia Legislativa do Maranhão sabe que o governador Flávio Dino encontraria dificuldade de manter o número de deputados, que atualmente apoiam o governo, aliado ao seu projeto de reeleição caso Roseana Sarney decida ser candidata à governadora.

Em conversa com o Blog do Robert Lobato, na manhã desta terça-feira, 10, um parlamentar pra lá de governista admitiu que caso a ex-governadora Roseana Sarney (PMDB) entre mesmo na disputa eleitoral de 2018, metade dos deputados estaduais tende a acompanhá-la.

“Bob, conheço essa casa. Se realmente Roseana resolver ser candidata ao governo no ano que vem, metade desta Assembleia Legislativa vai acompanhá-la, não tenho dúvida disso”, afirmou.

Na verdade, não foi a primeira vez que este blogueiro escutou isso de um deputado governista. A diferença é que esse é um destacado parlamentar da base.

Já um outro parlamentar, esse não tão governista assim, mas que vota constantemente com o Palácio dos Leões, disse: “vou começar ficar na minha, até ela [Roseana] decidir se sai candidata ou não”.

De fato, quem conhece minimante a Assembleia Legislativa do Maranhão sabe que o governador Flávio Dino (PCdoB) encontraria dificuldade de manter o número de deputados, que atualmente apoiam o governo, aliado ao seu projeto de reeleição caso Roseana Sarney decida ser candidata à governadora

É aguardar e conferir.