Flávio Dino demite aliado do presidente do PT da Caema e nomeia “sarnopetista” para o Agência de Mobilidade Urbana 6

A princípio pode parecer um movimento contraditório do governo, mas, ao final, revelar-se como uma forma dos comunistas manterem o PT sob cabresto com vista à reeleição do governador

O governador Flávio Dino (PCdoB) deu uma mexidinha básica no seu governo envolvendo diretamente membros do PT.

O engenheiro Ricardo Ferro, compadre e aliado histórico do presidente estadual PT, Augusto Lobato, foi exonerado da Diretoria Comercial da Caema. A exoneração pegou muita gente de surpresa no PT e talvez até o próprio Ricardo Ferro.

Segundo apurou o Blog do Robert Lobato, Ferro deve ir para uma lugar mais qualificado, provavelmente a Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), mas a sua exoneração fez com o presidente do PT falasse mais grosso com o governo, já admitindo, inclusive, candidatura própria do partido ao Governo do Estado.

Nomeação de “sarnopetista”

Ato contínuo à exoneração do engenheiro Ricardo Ferro, que é da corrente “Mensagem ao Partido”, o governador Flávio Dino nomeou Francimar de Melo para o cargo de vice-presidente da Agência Estadual de Mobilidade Urbana e Serviços Públicos, que é presidida pelo delegado de polícia e neopetista Lawrence Melo Pereira.

Francismar de Melo é secretário de Organização do Diretório Estadual do PT, membro da corrente Construindo um Novo Brasil (CNB) e ligado ao ex-vice-governador Washington Luiz e ao vereador Honorato Fernandes, portanto, uma “sarnopetista” como os comunas gostam de dizer. Foi candidato a presidente do partido no último PED numa estratégia para dificultar a vitória do deputado estadual Zé Inácio, também da CNB e mais articulado com o comando nacional da corrente. O fato é que a candidatura de Francimar acabou ajudando na intenção do Palácio dos Leões de fazer Augusto Lobato presidente do PT.

Enfim, o governo faz um movimento que, a princípio, pode parecer contraditório, mas, ao final, vir a revelar-se como uma forma de manter o PT sob cabresto com vista à reeleição de Flávio Dino.

É aguardar e conferir.