“Não estou fazendo barganha”, diz Márcio Jardim sobre suplência de senador 4

O dirigente Márcio Jardim disse ao Blog do Robert Lobato que não é pré-candidato a suplente de senador de nenhum dos nomes apresentados pelo governador Flávio Dino (PCdoB), leia-se Eliziane Gama (PPS) e Weverton Rocha (PDT).

“Não sou pré-candidato a suplente. Não estou fazendo barganha”, disse Jardim após alguns blogs de São Luis ventilarem essa possibilidade,

Márcio Jardim ainda luta para ser candidato a senador na chapa liderada por Flávio Dino ou ainda numa chapa do PT sem candidato a governador, a chamada “chapa camarão”.

Nacional

A principal corrente do PT, a Construindo um Novo Brasil (CNB), movimenta-se para pressionar o conjunto do partido e fazer com que o governador Flávio Dino entenda a importância do PT na chapa majoritária liderada pelo comunista.

Nesse sentido, não será surpresa se o Palácio dos Leões anunciar a participação de um petista em alguma posição na majoritária.

É aguardar e conferir.

ELEIÇÕES 2018: Corrente majoritária do PT mantém diálogo com Eduardo Braide 12

O deputado se colocou a disposição de aprofundar o diálogo com o PT e deixou claro que, caso haja convergência, o seu palanque será exclusivo para Lula no Maranhão

A corrente majoritária do PT, Construindo um Novo Brasil (CNB), abriu o diálogo entre o pré-candidato a governador Raimundo Monteiro, com o também pré-candidato ao governo pelo PMN, deputado estadual Eduardo Braide.

Segundo apurou o Blog do Robert Lobato, a conversa se deu em torno da possibilidade de um entendimento para construir um palanque forte para o Lula.

O movimento dos petistas da CNB em direção a Braide se dá exatamente quando o governo Flávio Dino escolhe o DEM, partido de direita e adversário histórico do PT, para ser um dos principais partidos a compor a chapa majoritária com o PCdoB.

“O governador Flávio Dino dá sinais claros que o PT não é prioridade para o seu projeto de reeleição preferindo dar posição de destaque ao DEM na chapa majoritária, logo não podemos concordar com isso”, afirma o membro da executiva estadual Mundico Texeira.

Fernando Silva, também, da coordenação estadual da CNB afirma: “Temos um projeto nacional de voltar a comandar o país com o Lula. Nesse sentido precisamos montar um palanque forte no estado e isso pode ser feito com Braide, Monteiro e os companheiros do PT”.

Na conversa, segundo o petista, Braide se colocou a disposição de aprofundar o diálogo com o PT e deixou claro que, caso haja convergência, o seu palanque será exclusivo para Lula no Maranhão.