SANTA HELENA: Com apoio do vereador Valdir do Magazine, Posto de Saúde é reaparelhado pela Prefeitura

O programa de reestruturação de postos de saúde, implementado pela Prefeitura de Santa Helena alcançou mais uma comunidade da zona rural do município. Desta vez, o benefício logístico reequipou o Posto de Saúde do Povoado São Pedro e contou com o apoio incondicional do vereador Valdir do Magazine.

Estudantes do povoado São Pedro, em Santa Helena, com o vereador Valdir do Magazine

O projeto, colocado em prática na gestão do prefeito Zezildo Almeida, tem como finalidade revitalizar unidades de saúde da rede municipal de Santa Helena. Além da reforma dos prédios, móveis e utensílios como freezers, climatizadores de ar, armários e estantes, aparelhos médico-hospitalares são distribuídos de forma planejada, para melhorar o atendimento da população nestas casas de saúde.

No povoado São Pedro os equipamentos foram entregues nesta quinta-feira (30) e o vereador Valdir do Magazine fez questão de acompanhar tudo de perto. “São ações como esta, realizadas pelo prefeito Zezildo que contribuem diretamente com a melhoria na qualidade de vida das pessoas, especialmente de quem mora fora da sede de Santa Helena. Tenho de agradecer ao nosso prefeito Zezildo e dizer, em nome da comunidade, que a sintonia entre os poderes constituídos promove melhoria na vida das pessoas. E esse é um dos papéis do parlamentar; trabalhar em parceria e harmonia com o prefeito em benefício da população”, disse o vereador Valdir.

O prefeito Zezildo Almeida reforçou que sua administração sempre foi e sempre será voltada para o bem estar dos helenenses, com atenção especial para as áreas da saúde, educação, saneamento básico, produção e infraestrutura. “Temos que agradecer a Deus por mais esse benefício que chega aos moradores da comunidade São Pedro. Estamos atuando em todo o município para o bem de todos”, enfatizou o prefeito.

Vale destacar que esse programa, voltado para reaparelhamento dos postos de saúde de Santa Helena, é fruto de
emendas parlamentares do deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) e de parcerias institucionais da Prefeitura com o deputado federal Victor Mendes (PSD).

 

VILA NOVA DOS MARTÍRIOS: Prefeitura inaugura sistema de abastecimento de água do Bairro da Paz 2

A Prefeitura Municipal de Vila Nova dos Martírios inaugurou neste sábado, 25, o sistema de abastecimento de água do Bairro da Paz, o projeto foi realizado, pelo Município, através do CIM- Consórcio Intermunicipal Multimodal em parceria com a Empresa Vale S. A.

O sistema contém mais de 10 mil metros de rede, reservatório de 100 mil litros de água e poço com 250 metros, e foi um compromisso feito pela Prefeita Karla Batista com a comunidade daquele bairro, onde beneficiará mais de 2000 mil pessoas que até o momento não tinham água em suas casas.

Prestigiaram o evento de inauguração da obra, além da prefeita Karla Batista, a vice-prefeita Vanusa Cunha, os vereadores Dorisel Lopes, Badeba, Radiola e Denir, os representantes da Vale Sr João Coral, Sra. Giselle Pinto, Sr. Saulo e Sr Adriano, varias lideranças políticas e comunitárias, os Secretários e Secretárias municipais e a população em geral.

Em seu pronunciamento o representante da Vale Sr. João Coral parabenizou o trabalho da prefeita Karla Batista a frente do Município e do CIM e reafirmou que a empresa Vale é parceira do Consórcio e dos Municípios e que está sempre aberta ao diálogo. A prefeita, em sua fala, fez questão de agradecer primeiro a Deus pela importante obra ali inaugurada, agradeceu a todos os colaboradores do projeto e enfatizou a grande importância que tem a parceria realizada entre a Vale e os Municípios através do Consórcio, disse da sua alegria em presidir relevante instituição e que encara esta tarefa como muito desafiadora e com muita responsabilidade.

#otrabalhocontinua
#patrimoniopublicomerececuidadodetodos

Viva o professor Natalino Salgado! 4

São pessoas como o nosso eterno reitor da Ufma,  nosso imortal da Academia Maranhense de Letras, que ainda me motiva a acreditar que o Maranhão pode dar certo. Aliás, que o Maranhão nasceu para dar certo.

Amanheci com a vontade de falar/escrever sobre gente do bem (deixa Flávio Dino pra lá).

Aí veio em minha cabeça de imediato o professor Natalino Salgado.

Professor Natalino é uma prata da casa!

Prata da casa baixadeira, maranhense, nordestina, enfim!

Nosso professor rompeu os limites da sua cidade natal (Cururupu), do seu estado e hoje é conhecido e reconhecido nacionalmente, quiça internacionalmente!

Ex-reitor da Universidade Federal do Maranhão, aliás, o melhor reitor que a Ufma já teve, professor Natalino Salgado é uma personalidade que está acima, muito acima da pequinês política que impera no nosso estado.

Os candidatos ao governo do Maranhão sem exceção, por exemplo, deveriam ouvir o professor Natalino Salgado para saber o que o doutor pensa sobre o estado principalmente na área da saúde.

Digo “principalmente na saúde” porque é a área que o nosso mestre domina, mas pela inteligência e experiência de vida que possui, ele pode contribuir em muitos outros setores, como a educação, cultura, ciência e tecnologia etc.

Enquanto cidadão maranhense, tenho orgulho de conhecer e ser amigo do professor Natalino Salgado.

São pessoas como o nosso eterno reitor da Ufma,  nosso imortal da Academia Maranhense de Letras, que ainda me motiva a acreditar que o Maranhão pode dar certo. Aliás, que o Maranhão nasceu para dar certo.

Viva o professor Natalino Salgado!

Qual é a primeira e melhor vitória da vida?

Uma pista: trata-se de uma vitória ‘destinada’ a poucos

Por Juliana Vannucchi, via Vya Estelar

Em nosso cotidiano, é muito comum direcionarmos nossos esforços para conquistas.

Geralmente, na sociedade atual, essas conquistas que nos movem costumam ser de cunho material, ou então, relacionadas a algum tipo de status, como por exemplo, adquirir um celular novo que almejamos, comprar uma televisão nova ou uma peça de roupa que esteja na moda, comprar um automóvel novo, ou, pensando na questão do starts, conquistar um novo cargo no ambiente de trabalho, adquirir um novo ou nova amante e assim por diante.

As conquistas acima citadas podem ser importantes de alguma maneira – embora eu prefira não afirmar que de fato sejam ou em que grau são, pois não posso ser taxativa, já que não se trata de uma verdade absoluta.

Contudo, quantos de nós estamos conquistando nós mesmos? Ou, em outras palavras, quantos de nós, olhamos cautelosamente para nosso interior, exploramos nossas próprias mentes, corpos e emoções, a fim de compreendê-los melhor? Poucos fazem isso, embora seja algo que muitos deveriam fazer. E por que poucos fazem? É uma tarefa difícil, já que, em muitos momentos, voltar-se para si próprio pode ser algo incômodo. Afinal, não somos feitos apenas de luz, temos também um lado sombrio que nos pesa e que influencia nossa vida. É definitivamente mais prático e menos doloroso conquistar o que está fora de nós, criando uma imagem nossa que outras pessoas veem, mas que não nos traduz em plenitude. Mas a verdadeira conquista sobre si mesmo, significa justamente encarar nossa plenitude, abraçá-la e amá-la do jeito que ela é, pois assim, estaremos criando afinidade com nosso próprio eu, e controlando-o sempre que necessário.

Não adianta, no final das contas, conquistar o exterior e perder o controle do interior. Definitivamente, antes de se projetar para fora, é sensato olhar para si mesmo, buscar se conhecer (na medida do possível – saiba um pouco sobre isso) e exercitar a mente e o corpo, equilibrando-os dentro de suas necessidades subjetivas. Eis esta a conquista de si mesmo e a grande vitória platônica.

“A primeira e melhor vitória é conquistar a si mesmo” – Platão.

A ressignificação da liderança em tempos incertos

Só há uma certeza: a zona de conforto será um local que o novo líder nunca mais poderá visitar. Você está preparado?

por Irene Azevedoh, via Revista HSM

Liderança sempre foi um assunto importantíssimo para o ambiente corporativo, mas, no atual momento, tornou-se crucial. Em pesquisa recente, o #nowornever informou que 72% dos CEOs acreditam que os próximos três anos serão mais críticos para seus segmentos do que as últimas décadas. Sem falar que uma entre três empresas correm o risco de quebrar, enquanto há 50 anos esse número era de 1 em 20, segundo o Boston Consulting Group (BCG).

Esse cenário faz com que as organizações estejam em constante transformação, necessitando assim que as lideranças assumam novos papéis facilitadores da transformação. E quais serão essas novas habilidades tão almejadas pelo mercado?

Antes, conhecer o negócio era essencial para um líder. Já hoje o importante mesmo é saber navegar por ambiguidades. Isso porque a liderança muitas vezes,neste contexto de transformação, não terá um norte tão bem definido, o negócio poderá mudar muito rapidamente e também ele terá que utilizar comportamentos e habilidades que nem sempre eram requisitados, e que representavam sua zona de conforto. Por exemplo, a delegação de tarefas – porém o delegar sem perder o controle.

Os líderes precisarão também envolver-se mais com as operações, mas, de novo, sem serem controladores. Além disso, terão de promover a experimentação, só que contendo o risco – ou seja, deverão ousar para manter-se competitivos, mas sem deixar de proteger o negócio. E, antes de tudo, terão de buscar pontos de vista distintos, mas impulsionar uma ação unificada. Uma iniciativa que requer agilidade para alternância entre diálogo e ação.

Com certeza você já ouviu também que o papel do líder é incentivar o trabalho em equipe bem como a colaboração, mas dentro deste contexto de transformação, ele ganha uma nova tarefa: o de conectar a organização. O objetivo é que todos os membros trabalham em rede.

Com esses desafios, o líder precisará, então, de orientação comportamental para gerenciar em meio ao paradoxo que chamarei de navegação no “núcleo” e na “borda”. Explicando melhor estes conceitos: comportamentos que se referem a “núcleo” impulsionam a geração de resultados consistentes e exatos por meio de conhecimentos, perícia operacional e práticas comprovadas. Exemplo de comportamentos “núcleo”: desenvolvimento de planos com base em dados existentes, desenvolvimento de sistemas e políticas, ênfase em consistência e acuracidade. Enquanto comportamentos que se referem a “borda” empurram criativa e estrategicamente para áreas de risco e possibilidade. Alguns exemplos de comportamentos “borda”: prazer na inovação, tomada de decisões em conjunto, coaching do desempenho de outras pessoas, permitindo-lhes criar soluções e brainstorming de novas idéias.

Com isso, o líder que então liderava a mudança, terá também que fazer a cultura evoluir. Esse é um papel bem mais complexo,pois exigirá dele um aprofundamento no DNA da organização. Enfim, a zona de conforto será um local que esse líder nunca mais poderá visitar. Afinal, transformação exige a navegação em ambientes desconhecidos com uma única certeza: o aprendizado será constante, ou seja, estará sempre desaprendendo para aprender.

* Irene Azevedoh é diretora de transição de carreira e gestão da mudança –da consultoria Lee Hecht Harrison (LHH) para a América Latina. Escreveu este artigo com exclusividade para o site HSM Publishing.

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR: Luis Fernando visita obras da prefeitura em bairro da região da Sede e Parque Jair 2

Em São José de Ribamar, o prefeito Luis Fernando Silva realiza constantes visitas à obras, sobretudo na área da infraestrutura, executadas no município, com o objetivo de acompanhar de perto o andamento e a qualidade dos serviços realizados.

Na manhã desta segunda-feira (13), o prefeito visitou obras em andamento nos bairros Roseana Sarney e Parque Jair. Ele esteve acompanhado do vice-prefeito Eudes Sampaio, secretários municipais, além dos vereadores José Lázaro, Moisés Gama, Osvaldo Brandão, Cristiano Pinheiro e Marlene Monroe

Para Luis Fernando, é importante que se acompanhe de perto todos os serviços para que as demandas da população sejam atendidas.

“Eu faço questão de acompanhar diariamente o trabalho para ter certeza que tudo está caminhando bem e que a população irá receber de volta a sua rua, avenida e bairro reconstruídos”, garantiu o gestor.

Fico feliz, externou o gestor, “em ver São José de Ribamar se transformando no que ela merece: uma cidade boa de se viver, caminhar pelas ruas e aproveitar os espaços de lazer. Tem muita coisa para ser feita ainda, encontramos muitos problemas, mas com empenho e apoio da população vamos conseguir vencer todos os desafios” afirmou Luis Fernando.

A vistoria seguiu por toda a extensão da Vila Roseana Sarney. No local, o prefeito acompanhou o andamento do serviço de recuperação em revestimento primário da Rua Projetada, serão mais de 1200 metros, incluindo também as vias transversais, facilitando assim a vida dos moradores.

A Avenida Carlos Augusto, via principal do bairro Parque Jair está sendo toda reconstruída, uma antiga reivindicação dos moradores que está sendo atendida pela gestão. Além da Carlos Augusto, outras vias do entorno estão recebendo melhorias e operação “tapa-buracos”.

Dia dos Pais: por que falta de tempo para os filhos não tem nada a ver com disponibilidade

Vida profissional não é empecilho para se ter envolvimento emocional com os filhos; há como achar um ponto de equilíbrio.
Por Eduardo Shinyashiki, via Vya Estelar
O Dia dos Pais é uma data em que a reflexão sobre o relacionamento familiar é muito bem-vinda. Afinal de contas, os pais influenciam diretamente em muitos fatores da vida dos filhos, como a forma de enxergar o mundo e de reagir aos estímulos externos, por exemplo.

Para o saudável desenvolvimento afetivo das crianças, é fundamental que os pais estejam envolvidos em suas vidas, muito mais com disponibilidade emotiva do que de tempo. E, ao contrário do que muitos pensam, a vida profissional não é empecilho para isso. A receita para esse equilíbrio é simples: ter claras as próprias prioridades, pessoais e profissionais, dosar bem as energias e o tempo dedicados a essas prioridades.

Em síntese, o papel paterno representa a relação dos filhos com o mundo externo, ou seja, a abertura para a sociedade, o impulso para se tornarem adultos. Indica também o ingresso da criança ao contexto social, em contraposição ao universo íntimo representado pela relação entre mãe e filho. Ao mostrar, de maneira clara e serena, que existem regras e limites, o pai ajuda os filhos a crescerem emotivamente preparados para enfrentar com segurança o mundo externo.

São vários os pontos na atuação do pai que determinam a criação de uma base firme para a vida futura de seus filhos. E numa era em que muitos vivem conectados a smartphones e notebooks, sem limites e dosagem do tempo – que poderia ser dedicado a momentos de qualidade e olho no olho -, podemos falar sobre a importância da conexão entre pais e filhos.

Estudos afirmam que quanto mais os filhos se sentem em conexão com o pai, mais confiam na vida, em si mesmo e nos outros.
Quando a relação de confiança e proximidade é estabelecida quando criança, ela dura por toda a vida. E isso só acontece quando se constroem laços baseados no respeito à diversidade e à individualidade, e não na busca incansável de uma simples reprodução de comportamentos.

Cada um tem a sua própria jornada e, assim, melhor que guiar alguém, é caminhar ao lado. Transmita aos seus filhos valores sólidos, que fazem parte do seu dia a dia, e um legado será construído de forma tão forte que nada poderá corrompê-lo.

Permita que hoje e a cada dia da sua vida, sejam construídos momentos memoráveis com seus filhos, que podem ser um olhar, um sorriso, um abraço e, talvez, o mais importante: viver com eles aquilo que você sempre sonhou em viver com os seus pais, mas que por algum motivo não foi possível. Viva a intensidade desses momentos e o poder do agora na sua vida. Eternize este presente.
Feliz Dia dos Pais!

Fonte: Eduardo Shinyashiki é mestre em Neuropsicologia e Liderança Educadora, especialista em desenvolvimento das competências de liderança organizacional e pessoal

SANTA HELENA: Prefeitura Promove com sucesso Feira da Agricultura Familiar

Cores, cheiros e sabores! É nesse sentido e com sucesso de público e garantia de bons negócios que a Feira da Agricultura Familiar de Santa Helena acontece!
Idealizado e promovido pela gestão do prefeito Zezildo Almeida, o encontro entre trabalhadores rurais e consumidores é realizado em praça pública, onde são expostos produtos hortifrutigranjeiros vindos da Zona Rural do Município.

A vantagem de quem visita está feira é que no local se encontra frutas, verduras, legumes e uma infinidade de alimentos com qualidade, livre de agrotóxicos e com preços acessíveis ao consumidor.

O trabalhador rural tem recebido todo o apoio necessário por parte da Prefeitura de Santa Helena, seja com orientação de técnicos, seja com equipamentos e implementos agrícolas. Tudo isso sem contar com com vias de acesso do campo para a sede do município, pois estradas vicinais foram recuperadas e com isso, o escoamento da produção agrícola é facilitado. Isso provoca como benefício direto, a redução de custo dos produtos para o consumidor final e ganho para que comercializa a produção.
Desta forma, a cadeia alimentar funciona beneficiando a população helenense nas duas pontas. O trabalhador rural planta e colhe seus produtos com a certeza de lucro com a venda na feira livre e o cidadão adquire as mercadorias pagando preço justo, tendo também a vantagem de saber que está levando para casa alimentos em quantidade e qualidade satisfatórias.

A prefeitura também disponibiliza fardamento e bancas padronizadas para os feirantes, assim como toda logística. A questão da limpeza no local e o transporte de mercadorias fazem parte desse programa econômico e social de Santa Helena.

“Eu, enquanto gestor do município de Santa Helena sei das necessidades da população no que diz respeito ao abastecimento, por isso não poupei esforços para proporcionar estrutura e incentivo ao produtor rural, através de projetos da Agricultura Familiar, com parcerias com o governo estadual. Dessa forma, criamos uma equipe de trabalho para promover essa feira que beneficia tanto o produtor rural quanto a população de Santa Helena e seus visitantes. Garantia de geração de postos de trabalho e renda para nossa cidade”, destacou o prefeito Zezildo Almeida.

Vale dizer que o prefeito Zezildo Almeida tem recebido o apoio institucional do Governo do Estado, através de projetos e emendas do deputado estadual Othelino Neto (PCdoB), presidente da Assembleia Legislativa. Também somando forças e dando substancial apoio para a administração municipal de Santa Helena está o deputado federal Victor Mendes. A propósito, para fomentar mais ainda a Agricultura Familiar, nos próximos dias, Zezildo Almeida deverá estar recebendo mais Patrulhas Mecanizadas para servir a produção rural helenense.

Trabalho autônomo, liberal ou remoto. Qual devo escolher?

Ser um trabalhador autônomo, liberal ou remoto possui suas vantagens e desvantagens, mas saber suas características é essencial para que você consiga as melhores oportunidades

Sebastián Siseles, Administradores.com

Trabalhar por conta própria, fazer o seu próprio horário, ser o seu próprio chefe. Realidade de muitas pessoas que não possuem qualquer vínculo empregatício e trabalham por conta própria. Segundo uma pesquisa do IBGE, realizada em 2017, o Brasil conta com 11.115 milhões de pessoas que trabalham, mas não possuem carteira assinada e 23.198 milhões que atuam por conta própria, o que representa um total de 34,31 milhões de trabalhadores nesses formatos.

Um dos motivos desse aumento foi que muitas pessoas enxergaram uma maneira de vencer a crise econômica e encontrar novas possibilidades de garantir um rendimento financeiro no final do mês. Além disso, existem pessoas que adotam esse tipo de trabalho pensando no ganho de qualidade de vida.

Ser um trabalhador autônomo, liberal ou remoto possui suas vantagens e desvantagens, mas saber suas características é essencial para que você consiga as melhores oportunidades e tire todo o proveito do serviço que você está oferecendo.

Profissional autônomo

O profissional autônomo é aquela pessoa que trabalha por conta própria, que tenha ou não uma formação ou qualificação profissional. Trabalhadores autônomos têm uma independência maior e conseguem executar diversos tipos de tarefas. Entre eles estão pintores, encanadores, pedreiros e outros.

Profissional liberal

Já o profissional liberal é a pessoa que conta com formação universitária ou técnica e tem liberdade para executar a sua atividade de maneira independente, podendo ser empregado ou trabalhar por conta própria. Podemos colocar como exemplos médicos, advogados, arquitetos e dentistas.

Trabalho Remoto

Trabalho remoto é, como o próprio nome diz, qualquer atividade que pode ser realizada à distância, facilitada pelo uso de tecnologia e de comunicação. Por esse motivo é também chamado de teletrabalho. Existem diferentes concepções deste termo e outros similares como: trabalho à distância, como dito acima, e home office. É um formato que tem recebido cada vez mais adeptos e que está sendo adotada por diversas empresas.

Ao optar pelo home office é necessário ter um ambiente dentro de sua casa totalmente dedicado para suas atividades, isso traz mais concentração e faz com que se mantenha o foco na tarefa que está sendo executada. Também é preciso ficar atento com a carga horária, já que muitas empresas estendem suas atividades além dos horários tradicionais.

Dependendo do fluxo de trabalho do profissional autônomo ou liberal é possível ganhar mais dinheiro do que quem é contratado por empresas no formato tradicional. O caminho pode ser bastante recompensador, mas também é preciso tomar alguns cuidados como ter disciplina com horário, foco e organização para que você consiga entregar o seu trabalho com qualidade e dentro do prazo. Além disso, o trabalhador deve se programar para os meses com menos oportunidades, e, sempre manter uma reserva de recursos para os casos de imprevisto ou de acidente de trabalho. Essas são algumas formas de se evitar dificuldades financeira.

Com as características de cada tipo de trabalho apontado, escolher a que melhor se encaixa será mais fácil para começar a trilhar o seu próprio sucesso. Boa sorte!

Sebastián Siseles — Diretor Internacional do Freelancer.com, responsável pela expansão global do site. Formado em Direito pela Universidad de Buenos Aires, e em Marketing, com MBA pela University of Pittsburgh. Especialista em finanças corporativas e práticas gerais de negócios, o executivo também fundou várias empresas de comunicação e Internet.