BAIXADA MARANHENSE: Documentos comprovam desleixo do governo Flávio Dino em relação à Barragem do Pericumã

A Barragem do Pericumã tem sido uma das pautas mais debatidas na Assembleia Legislativa do Maranhão nos últimos dias, principalmente pela bancada da Baixada Maranhense.

Voltando à questão da Barragem do Pericumã.

O Blog do Robert Lobato publicou vídeo em que o governador Flávio Dino (PCdoB) reconhece disponibilização de recursos através de emenda parlamentar para obras de recuperação e manutenção da Barragem do Rio Pericumã (reveja aqui)

Ocorre que mesmo com todo o esforço da bancada maranhense, em particular do então deputado federal Victor Mendes, de disponibilizar R$ 4 milhões para os serviço na Barragem do Pericumã, o Governo do Maranhão não apresentou projeto junto aos órgãos competentes em Brasília e o dinheiro acabou indo para o beleléu.

A Barragem do Pericumã tem sido uma das pautas mais debatidas na Assembleia Legislativa do Maranhão nos últimos dias, principalmente pela bancada da Baixada Maranhense, com destaque para o deputado Dr. Leonardo Sá que, inclusive, esteve recentemente em Brasília para tratar sobre o assunto.

Fiquem com prints de documentos que montam uma linha do tempo comprovando o que pode ser considerado um desleixo do Governo do Estado em relação à Barragem do Pericumã e, consequentemente, com o povo baixadeiro. Confira.

 

 

 

2 comentários sobre “BAIXADA MARANHENSE: Documentos comprovam desleixo do governo Flávio Dino em relação à Barragem do Pericumã

  1. Marcos Ambrózio disse:

    Agora cedo. Sexta-feira. Dia 22 de fevereiro:

    Antes que amanheça totalmente: acorde silenciosamente e de maneira a estar pensativo e refletindo.

    Tem aí Listerine? Se sim faça um gargarejo bem feito. Bem robusto. Caso não tenha, faça o seguinte. Eis:

    Tenha a mão um copo com água quente. Se está com preguiça de ir até o fogão e esquentar uma caneca de água, não precisa! Calma! Faça o seguinte: pegue uma caneca bojuda; ligue o chuveiro rapidamente no bem quente; colha uma caneca de água super rápido. Pronto! Você, no meio da escuridão da noite, já tem um pouquinho de água quente.

    Misture uma colher de chá de sal. Sal!, mané! Sal! Entendeu? Mexa bem. Agora faça um gargarejo bem feito. Limpe bem a garganta… cuspa a água. Utilize o resto da água na caneca. Faça outro gargarejo bem cuidadoso.

    Agora vá até a janela principal do apartamento. Pode ser a da sala mesmo (ou então a do seu quarto). Abra bem a janela. Concentre. Olhe pra cidade. Eu disse: olhe pra cidade! Entendeu? Entendeu, mesmo? Encha bem o peito de ar. Agora grite assim: “Páááátria Educadôôôôra”. Da presidenta. Ou seria presidANTA?

    Sim! Os vizinhos dos prédios ao redor vão ouvir. Não tem problema. Eles irão adorar. Além de admirar essa voz tonitruante no meio do fim da noite. E você pode se orgulhar muito de ti próprio. Daqui a uns 10 anos poderá contar para seus netos com enorme orgulho.

Deixe uma resposta