Calma, meu amigo Joaquim Haickel. Nada de “sofrência afetiva”…

Joaquim Haickel aparenta sofrer de uma certa carência afetiva por parte da classe política e de alguns setores da imprensa.

(Rsrsrs). Não sei o porquê do ex-deputado Joaquim Haickel me incluir na lista dos que não gostam dele em artigo que acabo de ler no blog do amigo Jorge Aragão.

Bom, nada tenho contra o nosso imortal dono cadeira 37 da Acadêmia Maranhense de Letras e talentoso cineasta. Talvez Quincas nunca tenha digerido direito a minha trilogia “A quem Joaquim Haickel serve?”. Deve ser esse o motivo de ter me incluído na sua lista de desafetos.

Não sei quais sentimentos Flávio Dino e Roseana Sarney sentem por Joaquim. O que posso afirmar é que da minha parte nada contra e muito menos sinto qualquer coisa hostil a ele.

Mas atrevo-me a dizer que o governador comunista deve até desdenhar das críticas que atualmente Joaquim Haickel faz a ele, pois até os primeiros anos do governo comunista Quincas era só alegria e esperança em Flávio Dino, certamente achando que o Maranhão poderia vivenciar dias melhores, no que só agora o nosso poeta descobriu não ter ocorrido e que estamos testemunhado aquilo que é a maior mentira política da história recente do Maranhão.

Já a ex-governadora Roseana Sarney imagino achar até graça das críticas de Joaquim, posto que sempre foi generosa e amável com o seu ex-secretário de Esporte. Aliás, Quincas é da casa grande do Calhau. Entra e sai na hora que quer, principalmente quando o patriarca José Sarney se encontra na cidade, como é caso agora.

O fato é que Joaquim Haickel aparenta sofrer de uma certa carência afetiva por parte da classe política e de alguns setores da imprensa. Uma certa “sofrência afetiva”, digamos.

Pois meu amigo Joaquim Haickel, da parte do Robert Lobato sinta-se querido e respeitada, viu?

Grande abraço e um bom e abençoado domingo.

10 comentários sobre “Calma, meu amigo Joaquim Haickel. Nada de “sofrência afetiva”…

  1. Gilberto disse:

    Kkkk
    Joaquim Bobo Haickel tem desafetos?
    Na verdade, o povo deve ter é pena dele!
    Seus textos bobos são asneira pura!
    Vive choramingando pra ver se alguém nota ele!
    Volto a dizer,… duvido se candidatar e se eleger, pode ser ate a vereador! Só se elegeu pegando carona em Roseana!
    Como empresario
    Como cineasta,…. kkk quase um José Padilha
    Como secretário,… Castelão quase não abriu, Costa Rodrigues ficou fechado,… esporte não existiu! Secretário sem obra!
    Como escritor,…. É asneira demais pra um cidadão só escrever! É um mito! Kkk

    Robert,…
    Ele não sabe o que fala,…
    Acha que é perseguido por Deus e o mundo!
    Engraçado que Roseana que ele HOJE tanto crítica se amanhã ganhar,… vai santificar!
    Pode escrever

  2. Paulo Neto disse:

    Meu caro Robert, não sou advogado do Ex-deputado Joaquim Haickel e nem tenho autorização para defende-lo, acho até que não precisa, pois ele sabe fazer isso muito bem, mas quase 70% da população maranhense nas últimas eleições acreditou que o Sr. Flávio Dino fosse realmente uma grande mudança na forma de administrar e na forma de fazer politica no nosso Estado. Ele mesmo dizia: “Um Maranhão de todos nós”; “O palácio dos leões será abertos para todos”; “não haverá perseguição politica no Maranhão e todos os deputados serão tratados de forma igual”; “a segurança do Estado será prioridade assim com a saúde e educação”.
    Agora pergunto a você: quem não acreditou? pelo menos esses quase 70% e aí eu me incluo e acho que você também, se decepcionaram, assim como o que parece o Joaquim Haickel.
    Todos tem o direto de criticar. Eu critico, você critica e hoje quase todos os maranhenses criticam a administração do Sr. Flávio Dino que para mim foi a maior mentira da politica maranhense. Se diz uma pessoa inteligente, preparada mas que administrativamente não passa de um aluno sofrível. Teria sim, tudo para se tornar um grande líder, mas um grande líder sabe ouvir, sabe aceitar opiniões mesmo que sejam contrárias e demonstra humildade, coisa que passa longe da personalidade do Sr. Flávio Dino.

    • Robert Lobato disse:

      Resposta: Concordo com você em quase tudo do comentário. Ocorre que no caso de Quincas parecia haver mais do que a expectativa de Flávio ser a mudança de verdade; acho que havia também uma expectativa de que ele (Joaquim) poderia ser parte da “mudança”, entendeu? Como isso não ocorreu, ele acabou se frustando. É o que acho, mas posso estar errado. Abraços.

  3. pmaranhão disse:

    MAX BABÃO BARROS JÁ JOGOU A TOALHA E JOAQUIM, NÃO TEM NENHUMA CHANCE MAIS DE SER CANDIDATO – AINDA MAIS AGORA QUE TOMARAM OS REDUTOS DELE EM SUA TOTALIDADE.- TRISTE FIM POLÍTICO.

Deixe uma resposta