A ZEMA avança

Via blog do Sérgio Muniz

No dia 13 de junho deste ano o Maranhão obteve, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal, uma vitória histórica que pode vir a transformar sua realidade, de sua Capital e do seu povo. Nesse dia, o Projeto que cria a Zona de Exportação do Maranhão-ZEMA, de autoria do Senador Roberto Rocha e relatado pelo Senador Edison Lobão, foi aprovado com quase a unanimidade dos votos, exceção do voto da representante do PC do B, coincidentemente o partido do atual governante do nosso Estado. Seria mera coincidência?

Durante os últimos 10 (dez) dias este blog aguardou que essa alvissareira notícia tivesse a devida divulgação pelos órgãos de imprensa do Estado. Ledo engano. Silêncio sepulcral. Os órgãos ligados ao Governo do Estado não publicaram uma linha, o que reforça o entendimento de que abafar agora seria a melhor política. Afinal, o autor do projeto já não é aliado comunista; o relator do projeto é candidato ao Senado em chapa oposta a do atual ocupante dos Leões; e, por fim, o sonho sonhado ainda na década de 60 (sessenta) pelo ex-Governador José Sarney de um porto moderno como agente de desenvolvimento do Estado não mereceria qualquer destaque.

Por muitos anos, o Porto do Itaqui, o segundo de maior profundidade do mundo, se manteve como ferramenta de uma economia de enclave, aquela em que o Porto se destina a exportação sem, contudo, deixar no Estado grandes riquezas e gerando poucos empregos. A ZEMA cria um mecanismo de fomento à instalação, na área do Distrito Industrial, mediante incentivos fiscais, de grandes empresas com produtos voltados para a exportação. Um fantástico projeto que tende a transformar completamente o Maranhão.

No último dia 13 de junho, os parlamentares maranhense lutaram uma batalha como gigantes que olham de cima a melhor estratégia da vitória. Lobão fez um relatório digno de sua brilhante trajetória no Senado e mostrou a viabilidade do projeto. Feliz do Estado que pode ter um parlamentar da envergadura de Lobão como seu Senador. Roberto Rocha exibiu aos Senadores o vídeo acima, demonstrando a todos que o Brasil tem no Maranhão um presente de Deus. O Porto do Itaqui pode fazer nascer na América do Sul uma nova Singapura ou uma nova Hong Kong. Mesmo contra a vontade e o voto do PC do B de Flávio Dino e graças à ação firme de Roberto Rocha e Edison Lobão, a ZEMA avança. Que venha a Comissão de Assuntos Econômicos. Um futuro de crescimento industrial e econômico nos espera.

De parabéns Roberto Rocha e Edison Lobão. Vocês dignificam a política do Maranhão.

Deixe uma resposta