Flávio Dino não perdoa Lula e por isso deseja Ciro Gomes, que é “um babaca”, segundo o petista Francisco Soares

O governador comunista passou a defender o nome de Ciro Gomes (ex-PDS, legenda sucessora da Arena; ex-PMDB, ex-PSDB; ex-PPS; ex-PSB, ex-Pros e agora PDT) porque não quer um nome do PT pelo simples fato de saber que uma candidatura petista ao Palácio do Planalto é mais forte do que a de Ciro e isso pode jogar água chope do comunista que ficaria cada vez longe de se tornar uma alternativa no plano nacional.

Flávio Dino não perdoa Lula. Flávio Dino se acha dono dos votos no Maranhão e que atualmente é o petista que precisaria dele e não o contrário.

Flávio Dino não perdoa Lula porque o ex-presidente, forçado pela conjuntura concreta e para garantir governabilidade em 2010, teve que fazer uma aliança local com o MDB mesmo com o Encontro Estadual do PT ter deliberado por coligação com o PCdoB.

Flávio Dino é mais um politiqueiro da esquerda um que torce para Lula ficar preso o suficiente para não nunca mais concorrer a presidência da República porque sonha em ser um dos “herdeiros” do legado do lulismo e da esquerda de uma forma geral. Mas, como o dizem os dirigentes do PSOL e do PCO “herdeiro só existe depois da pessoa morta”. No mínimo, quem faz essa tratativa são os contumazes falastrões e oportunistas, tais como Flávio e Ciro.

Flávio Dino passou a defender o nome de Ciro Gomes (ex-PDS, legenda sucessora da Arena; ex-PMDB, ex-PSDB; ex-PPS; ex-PSB, ex-Pros e agora PDT) porque não quer um nome do PT pelo simples fato de saber que uma candidatura petista ao Palácio do Planalto é mais forte do que a de Ciro e isso pode jogar água chope do comunista que ficaria cada vez longe de se tornar uma alternativa no plano nacional.

Flávio Dino não cumpriu o acordo com o deputado federal Waldir Maranhão para fazê-lo um dos seus candidatos a senador porque isso era da vontade do Lula, mas Flávio não perdoa o Lula.

Prefere, portanto, o “babaca” do Ciro Gomes, como bem diz, no vídeo abaixo, o engenheiro Francisco Soares, o Chicão, competente técnico em trânsito, mobilidade urbana e energia.

Diga aí, grande Chicão!

12 comentários sobre “Flávio Dino não perdoa Lula e por isso deseja Ciro Gomes, que é “um babaca”, segundo o petista Francisco Soares

  1. roberto disse:

    O cara foi prefeito bem avaliado de Fortaleza, Governador do Ceará , Ministro da Fazenda, Ministro da Integração, dá palestras dentro e fora do país e é um babaca ? Menos né …

  2. roberto disse:

    NOTA DA MANUELA
    “O mais importante da declaração do Flávio Dino é o chamado à razão, ao diálogo. Ele falou isso depois de uma semana na qual PT e Ciro se atacaram de forma desnecessária, digo isso fraternalmente. E diria mais: nossas diferenças são pequenas diante dos desafios do nosso país e de nosso campo. Estou aberta – e todos deveriam estar também – para a construção de uma saída que una o conjunto da esquerda. Eu e meu partido pensamos no Brasil em primeiro lugar, a luta pela unidade popular é a marca da nossa história de 96 anos. Eu estou me esforçando muito nesse sentido. Se não der certo, podem ter certeza, não terá sido por falta de iniciativa e boa vontade de nossa parte.”

Deixe uma resposta