ELEIÇÕES 2018: Zé Carlos recua da posição de candidatura própria do PT, revela fonte

Uma fonte do Blog do Robert Lobato informou que o parlamentar petista esteve no Palácio dos Leões para aparar arestas e teria não apenas fumado o cachimbo da paz com o governador, como também recuado na posição de candidatura própria

O deputado Zé Carlos, o único do PT na Câmara Federal, andou falando grosso semanas atrás e saiu em defesa da candidatura própria do partido nas eleições de 2018 no Maranhão.

Em um áudio que compartilhou nos grupos do WhatsApp, o parlamentar petista deixou clara a sua insatisfação quanto ao tratamento dispensado pelo governador Flávio Dino (PCdoB) ao PT e chegou a sugerir o rompimento com os comunistas.

“O governo não nos trata como aliado, mas como um partido que se encontra em um patamar inferior. […] O nosso partido tem a maior aceitação popular, que tem o maior tempo de TV e, principalmente, tem o maior líder político do país. […] Queremos respeito. […] Por tudo isso, eu entendo que se encontram exauridas todas as tentativas, olha que não foram poucas, de consolidar essa aliança. Sendo assim não nos resta outra alternativa do que lutar por uma candidatura própria”, declarou.

Pois bem. Ontem o Blog do Robert Lobato apurou através de uma fonte, que também anda insatisfeita com Flávio Dino, afirmou que Zé Carlos esteve, ontem, 6, no Palácio dos Leões para aparar arestas e teria não apenas fumado o cachimbo da paz com o governador, como também recuado na posição de candidatura própria.

“Custo acreditar que Zé Carlos tenha feito um recuo de forma tão rápida e sem combinar sequer com os interlocutores do PT que vinham construindo uma posição em conjunto com ele”, disse um dirigente petista agora pouco para o Blog do Robert Lobato.

De fato vai ficar muito feio para Zé Carlos, depois de ter falado grosso com os comunistas, de uma hora pra outra passar a falar fino após sair do Palácio dos Leões.

O Blog do Robert Lobato procurou o deputado Zé Carlos para saber sobre o assunto, mas o mesmo não retornou o contato.

13 comentários sobre “ELEIÇÕES 2018: Zé Carlos recua da posição de candidatura própria do PT, revela fonte

  1. Alan Couto disse:

    Como único petista maranhense na câmara, Zé Carlos teve um mandato muito aquém do esperado (figura apagada), inclusive durante o impeachment de Dilma. Dependendo da coligação sua reeleição é de difícil consolidação. Daí Flávio Dino, que não é besta, chamou o ZC e prometeu uma meia dúzia de base eleitoral e umas gracinhas pré-eleição e promessas pós-eleição. Tudo em casa… Duvido que ainda fale grosso…

  2. Antonio Vidal disse:

    Meu querido Robert Lobato, como podemos acreditar em políticos, e em especial políticos do PT, que não tem mais como fonfiar

  3. Fernando Correia disse:

    PT, tem um Dep. Federal, um Dep. estadual e elegeu três prefeitos……se eu não me engano o governador deu ao partido duas secretárias. o que mais quer? Merece tratamento melhor?

Deixe uma resposta