Roberto Rocha assume comando do PSDB no MA (OU: Carlos Brandão cavou a própria cova)

O vice-governador pode até ser descartado pelos comunistas por, ao perder o PSDB, não ter mais serventia alguma ao projeto de manutenção de poder de Flávio Dino.

O vice-governador Carlos Brandão cavou a própria cova, como se diz.

Submisso aos caprichos dos comunistas do PCdoB, Brandão corre o risco de “ficar sem mel nem cabaça”, como também se diz.

Além de perder a presidência estadual do PSDB no Maranhão para o senador Roberto Rocha, Carlos Brandão pode ficar sem a vaga de vice de Flávio Dino em 2018 e sem qualquer mandato, já que é missão quase impossível, a essa altura, o governador conseguir dar um mandato, seja qual for, para o futuro “ex-tucano”, a não ser que o chefão comunista sacrifique, por exemplo, a candidatura de deputado federal do seu pupilo do coração Márcio Jerry.

O fato é que Carlos Brandão paga, desgraçadamente, um preço alto por ser tão subserviente ao governador Flávio Dino sabendo que o seu patrão não tem quaisquer compromisso como o projeto dos tucanos seja no plano estadual, pior ainda no plano nacional.

No mais, Brandão pode até ser descartado pelos comunistas por, ao perder o PSDB, não ter mais serventia alguma ao projeto de manutenção de poder de Flávio Dino.

Triste fim!

2 comentários sobre “Roberto Rocha assume comando do PSDB no MA (OU: Carlos Brandão cavou a própria cova)

Deixe uma resposta