ELEIÇÕES 2018: Mais um dirigente do PT defende o desembarque do partido do governo Flávio Dino

Natural da cidade de Caxias, Mundico Teixera é mais um, entre muitos petitas, que defendem a tese da candidatura própria do PT nas eleições de 2018. Sentimento que só tem aumentado no partido dia após dia

Mundico Teixeira (de vermelho) com Zé Dirceu e seu filho Ney Jerfferson.

O dirigente estadual do PT, Raimundo Teixeira, conhecido no partido como “Mundico Teixeira”, é mais um petista que propõe candidatura própria do partido nas eleições de 2018.

Membro histórico da corrente CNB (Construindo um Novo Brasil) desde os tempos da antiga “Articulação”, Mundico integra a Comissão Executiva Estadual do PT e nesta semana publicou um texto na rede social em que faz uma reflexão sobre a atual conjuntura política no estado. Confira (sem edição).

Em nosso debate de candidatura própria devemos destacar, afirmar, que o centro de nossa tática é elegermos novamente Lula presidente do Brasil, re-elegermos nossos deputados estaduais, federais, ampliarmos nossas bancadas, e recolocar o PT do Maranhão como um partido que quer governar o nosso estado! O PT, desde sua fundação sempre, afirma sua vocação para governar o Brasil, os estados e municípios, as alianças serão bem vindas, desde que, elas tenham propósitos de nos fortalecermos, e nunca para nos deixar menor. E a atual conjuntura, por incrível que pareça, (se levarmos em conta que fomos impeachmado) favorece a tática de candidatura própria, temos o maior tempo de tv, temos os recursos do fundo eleitoral, um recurso com um valor que nunca tivemos em eleições anteriores, e Lula com mais de 60% de aprovação no estado. Podemos além do governador apresentar candidaturas de vice, e dois senadores. Nomes com cara novas, diferentes de Zé Reinaldo, Roberto Rocha, Madeira…etc…., o que queremos mais da conjuntura? Será que estamos pensando a política a partir de nossas barrigas? Não foi isso que motivou nos à fundação do PT!

Natural da cidade de Caxias, Mundico Teixera é mais um, entre muitos petistas, que defende a tese da candidatura própria do PT nas eleições de 2018. Aliás, sentimento esse que só tem aumentado no partido dia após dia.

Resta saber se o petismo maranhense terá a coragem de desembarcar do governo corrupto do senhor Flávio Dino e procurar seu próprio rumo como propõe o dirigente Mundico Teixeira.

É aguardar e conferir.

Deixe uma resposta