ELEIÇÕES 2018: Petista avalia que Márcio Jardim “combinou saída do governo” para atrapalhar Waldir Maranhão

O Blog do Robert Lobato não porque contrapor a avaliação do referido petista, até porque ele milita no mesmo campo político de Márcio Jardim, mas custa acreditar que o ex-secretário faria o que seria “jogo duplo”

O Blog do Robert Lobato estava quietinho na dele quando um petista aliado ao campo político do governador Flávio Dino (PCdoB) ligou para informar que o ex-secretário Márcio Jardim deixou a Secretaria de Esporte e Lazer (Sedel) para cumprir missão para o governador e o secretário Márcio Jerry (Comunicação e Articulação Política) objetivando atrapalhar uma eventual candidatura do deputado federal Waldir Maranhão ao Senado pelo PT.

“Mais do que atrair o PP de André Fufuca para o governo, Flávio Dino e Márcio Jerry combinaram com o Márcio Jardim essa sua exoneração da Sedel para tentar dificultar a entrada de Waldir Maranhão no PT e, dessa forma, atrapalhar a candidatura dele ao Senado pelo partido do Lula. Márcio está cumprindo missão”, disse o petista que é muito articulado dentro e fora do governo.

O petista também questionou o resultado de uma pesquisa, encomendada por aliados do Palácio do Leões, onde Márcio Jardim apareceu com 7,8% das intenções votos para senador na cidade de Pinheiro, uma das cidades mais visitadas justamente por quem? Sim!, por Waldir Maranhão. Para o ‘companheiro’, esses números só podem ser fantasmas assim como a candidatura de senador do ex-secretário da Sedel.

“Inventaram até uma pesquisa aí onde Márcio aparece com 7,8% de intenções de votos em Pinheiro. Que voto Márcio Jardim tem em Pinheiro se nem lá ele pisa? Só podem ser votos fantasmas, igual a candidatura fantasma dele de senador que ninguém o vê fazendo campanha pelo Maranhão”, criticou.

Bom, o Blog do Robert Lobato não tem porque contrapor a avaliação do referido petista, até porque ele milita no mesmo campo político de Márcio Jardim, mas custa acreditar que o ex-secretário faria o que seria “jogo duplo”.

A conferir.

Deixe uma resposta